RedeGN - HOMEM É MORTO A TIROS NO BAIRRO RIO CLARO EM PETROLINA, PE

HOMEM É MORTO A TIROS NO BAIRRO RIO CLARO EM PETROLINA, PE

(Foto: Reprodução TV Grande Rio)

Um homem foi morto a tiros neste sábado (19) em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. O crime ocorreu no bairro Rio Claro. De acordo com testemunhas, a vítima que aparentava ter entre 18 e 20 anos de idade, estava passando pela rua um quando foi atingida pelas costas. O jovem estava sem documentos e até a publicação desta matéria, não foi identificado. A motivação do crime também é desconhecida. A Polícia Militar e peritos do Instituto de Medicina Legal (IML) estiveram no local.

Foto whatsapp.

HOMEM MORRE EM JUAZEIRO NO BAIRRO PEDRO RAIMUNDO

Em Juazeiro, por volta das 20:55h, o PETO 74 foi informado pelo Cicom que no Bairro Pedro Raimundo havia uma pessoa vítima de disparo de arma de fogo, proveniente de uma troca de tiros. Ao chegar ao local os policiais encontraram a viatura 7410 fazendo a preservação do local do crime, onde ja tinha ali um corpo sem os sinais vitais, de Valmir Ferreira dos Santos Souza. Continuando a diligência a equipe se deslocou até a Upa, e lá encontraram duas vítimas dessa ocorrência, Lindinez de Almeida Araújo, atingida por um disparo de arma de fogo nas costas e Charles Wanderson Pereira de Souza, atingido por um disparo de arma de fogo na mão esquerda.

Charles relatou que estava sentado na porta da casa do seu sogro Francisco Martins Araújo, quando passaram dois homens em uma motocicleta e efetuaram disparos de arma de fogo contra ele, e disse não ter sido ele o autor dos disparo contra Valmir. A viatura se deslocou então à residência do senhor Francisco e la encontraram enterrada no quintal, uma arma calibre 38, n.795574 com capacidade para seis cartuchos, com cinco munições  intactas e uma deflagrada; que Segundo Francisco foi utilizada por Charles para revidar os disparos efetuados por Valmir, e duas trouxinha de uma substância aparentemente maconha e mais duas munições calibre 32 encontradas ao lado do corpo de Valmir. A guarnição 7410 coduziu então os envolvidos até a delegacia para serem tomadas as medidas cabiveis.

Da Redação