RedeGN - Espaço do Leitor

Outros Destaques

Política

Espaço do Leitor

Petrolinense Lenio Ferraz promove lançamento de novo CD

Prezado Geraldo José:  (Espero realmente que você se lembre de mim. Estive há alguns meses em contato com você e o seu blog na qual você publicou um vídeo meu, para minha alegria).  Dia 25 de maio estarei lançando oficialmente meu novo CD, Anjos da Neve (o quarto na carreira) aqui na Suécia, na cidade em que resido, a cidade de Varnhem, conhecida por a cidade guerreira dos vikings e tratando-se de uma histórica cidade nada melhor que realizar esse lançamento aqui, justo em frente a Catedral "Klosterkyrka" erguida no ano de 1.150, palco de batalha entre vikings suecos e dinamarqueses.

Vale lembrar que a igreja sueca como instituicäo é o orgäo que mais investe em concertos de músicas ao vivo em toda scandinávia e resalvo que meu segundo CD intitulado "Pororoca" foi lançado nessa impresionante Catedral...

Espaço do Leitor: A Lei Seca e a Cultura Etílica no Transito.

A cultura de um povo é pautada pelos seus costumes e os seus hábitos adquiridos no dia-a-dia ao longo das suas vidas.

Os hábitos, ou vícios, inclusive os de consumo etílico, aqui posto como os atos próprios na condução de veículos automotores envolvidos - como queiram, são cristalizados ao longo da vida, em camadas cada vez mais profundas da alma, de tal sorte que para se reverter ou mudar é necessária a educação, disciplina e vigilância constantes, em que o principal aspecto positivo é a VONTADE do sujeito, e o seu desejo de mudar para melhor...

Imagem Ilustrativa

Espaço do Leitor: Sobre Coisas, Sons e Gente.

O ambiente é repleto de sons desde a teoria do grande estrondo, o Big-Bang, até o barulho produzido pela glândula pineal, que enchem os nossos ouvidos como se fossem milhares de grilos em sinfonia.

O sistema auditivo humano se estabelece em suas funções durante todo o tempo. Ainda que o indivíduo esteja dormindo, continua armazenando todas as informações sonoras, ocorridas no ambiente, localizando distâncias e tipos de fonte produtora de barulho desencadeando um mecanismo de alerta e defesa. No entanto, a audição só demonstra, mais claramente, maior preocupação no momento em que interfere no processo de comunicação e na compreensão da fala e/ou mensagens articuladas...

Foto Ilustrativa da Internet

ESPAÇO DO LEITOR: AH, SIM, CAMINHA O HOMEM...

Não tem jeito. De todo jeito, o jeito é enfrentar a cada dia todo um dia. Concebido , sim, já não se pode parar de respirar. Nascido, sim, já não se pode parar de ser. Caminhar, caminhar, caminhar. Andanças múltiplas em retas, cálculos, atalhos, vivências á busca de BR,s. A cata do sair do a sós. Tudo, vê-se, saudoso leitor, atrás do e de um norte.

                                                          B O N I T O...

Imagem Ilustrativa da Internet

ESPAÇO DO LEITOR: O SILÊNCIO DE UM BOM SABEDOR.

Diante de várias circunstancias e muitos rumores nos bastidores políticos em nossa cidade ainda não ouvimos nada que desabonasse os políticos que pleiteiam o Executivo Municipal na pessoa do prefeito Isaac Carvalho.

Digo isso porque venho acompanhando de perto, através dos noticiários municipal e estadual e tenho observado os ataques bombásticos que dirigem ao governo municipal desta cidade...

Em defesa do ENEM para o vestibular da FACAPE e UPE

O debate sobre a adoção do Enem para inclusão nas universidades estaduais e federais da região continua. Hoje a defesa  do ENEM para o vestibular da FACAPE e UPE é feita pelo jornalista Manoel Leão. Confira:

Meu nome é Manoel Cavalcante Leão Netto, meu pai nasceu em Cabrobó e se casou em Araçatuba, interior de São Paulo com minha mãe, nascida lá, mas de pais vindos de Vitória da Conquista, na Bahia...

Ex-deputado Geraldo Coelho emite nota sobre o ENEM

O deputado Geraldo Coelho, através de nota, criticou fortemente a adesão ao ENEM brevemente pela UPE expondo suas razões. Fez ainda apelos a vários politicos principalmente da região, conclamando a todos: "Vamos juntos continuar trabalhando por Petrolina, e defender o Vale do São Francisco." Confira abaixo na íntegra:

Reitor CARLOS CALADO
Universidade de Pernambuco – UPE.

Histórico – Nos idos de 1940 estudei em São Paulo no Mackenzie e me formei Engenheiro em 1948. Viagem de 15 dias Petrolina a São Paulo.

Quando Prefeito de Petrolina, tomei a iniciativa em 1976 fundar o primeiro Curso de nível Superior no interior de Pernambuco. Inicialmente foi Administração de Empresas, e hoje são 8 cursos pela FACAPE – Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina.
..

Espaço do Leitor: O verdadeiro balanço da secretaria de Zó.

Geraldo,

Essas fotos da Praça Antonilio da França Cardoso, centro da cidade, comprovam o verdadeiro balanço administrativo do ex-secretário Zó, da Seiasc (Secretaria de Igualdade, Assistência Social e Cultura). A maioria das praças de Juazeiro está cheia de mendigos e jovens alcoolizados...

EU VI E APLAUDI.

AS COISAS QUE EU VI, OUVI E VIVI.

MAGOM – Contabilista, Administrador de Empresa e membro do Lions.

..

ESPAÇO DO LEITOR: “MAINHA, MAINHA, RAIDY LIGOU, TÁ MANDANDO DINHEIRO PRÁ NÓS...!”

O sol estava se pondo ao fundo da Ilha do Fogo e da Ponte que liga Juazeiro a Petrolina. Creuza e Maria eram as últimas lavadeiras esfregando as roupas na beira do rio. Selminha, a morena mais linda do bairro do Angary, desce a barranca eufórica e gritando: _ mainha, mainha, Raidy ligou, tá mandando dinheiro prá nóis!. Creuza fica curiosa e pergunta a Maria, mãe de Selminha: _ quem é esse Raidy, muié? _ É Ride, Creuza, o filho da Mãe d’Água, sobrinho do  Nego D’Água, responde Maria. _ É nada, Ride, merguiador?, pergunta Creuza. Ele mermo, dispois que ficô rico, agora é Raidy, dizem que só atende por Raidy. Vivia aqui numa pindaíba danada, tumando cachaça no Bafafá o dia intero sem ter o que fazê. Só tinha seuviço quando morria arguem e ele ia merguiá  atrás dos corpu com finado Jason nas pedrinha. E Maria continua, soltando ainda mais a língua: _ agora, era um ótimu merguiador, isso era, não tinha dia, não tinha hora, estava sempre disposto e se Jason não achasse ele achava o corpu do afogado. Sê vê muié, sorte é sorte, estrela é estrela. Esse minino nasceu com os quartu prá lua. Certo dia saiu prá pescá com o Nego D’Água, conheceu um grandão de Brasília, uma otoridade, que simpatizô com ele, com suas istória de pescadô e levou o danado prá capitá. Arranjô prá ele uma colocação no ministero da integração e hoje ele é assessô do ministo”...

Esse texto é continuação do artigo RIDE E NEGO D’ÁGUA, DUAS ENTIDADES MITOLÓGICAS, MAS NOSSAS!, publicado neste blog na edição de 02/04/2012. Espero concluir essa estória ou história, ou, as duas juntas, na próxima edição...

Seca: Campo Alegre de Lourdes enfrenta um dos piores momentos da sua história.

O leitor Vivaldo Ribeiro de Macedo enviou email ao blog relatando o sofrimento da população de Campo Alegre de Lourdes que vivencia a pior estiagem dos últimos anos. Confira:

Faz seis anos que observo a estrutura da cidade e nunca vi uma situação tão drástica em sua história administrativa. Estamos vivendo um dos piores momentos onde a população carente enfrenta a situação de miséria, pobreza extrema e migração de várias pessoas. Muito tem sido feito, mas infelizmente é pouco para grande parte da população pobre do interior. A zona rural tem sido mais afetada que a zona urbana pois na zona urbana temos uma grande concentração de cisternas que ainda possuem água...

ESPAÇO DO LEITOR: O SABER FAZER DO SALITREIRO NÃO VALE?

Para abordar tal indagação é mister que teçamos considerações sobre nosso envolvimento, nossa vivência e conhecimento da capacidade produtiva do agricultor do  salitre. Por décadas militamos no vale do Rio Salitre, inicialmente como produtor de olerícolas declinando para a fruticultura, dentro da demanda da Cooperativa Agrícola de Cotia, da qual éramos associados e cuja sede era em São Paulo. Também implantamos campos de produção de sementes selecionadas para as empresas Agroflora e Agroceres, também de S. Paulo e introduzimos o papaia hawai, na região, tendo ido buscar tecnologia, à época em Castanhal no Pará, berço do papaia.

Neste período a vazão do rio já ficava a desejar em função de demanda instalada, pois com implantação de grandes campos de mangas por parte dos japoneses, usando possantes bombas no médio Salitre, a vazão ficou mais reduzida. Para amenizar o problema, fizemos captação de água do S. Fcº e através de tubulações conduzimo-la até nossa área de trabalho, com custo elevado. Nossa área ficava abaixo do Campo dos Cavalos. Posteriormente nos instalamos no Projeto Sen. Nilo Coelho...

ESPAÇO DO LEITOR: CÁLCULO PARA USO DA ÁGUA REGIÃO ANGICO-JUAZEIRO.

Caros Amigos,

Gostaria que a realidade fosse outra após o nosso esforço em elaborar o projeto da adutora Angical/Angico em 2002, que contemplaria toda região, inclusive Lagoa do Boi, mas na verdade a realidade é outra, pois após passarmos os originais a CODEVASF e a empresa ter nos ajudado no fechamento total da proposta e o ex-deputado Edson Duarte ter colocado a emenda parlamentar, a tão sonhada água não tem chegado aos lares das Fazendas, pois apesar de estar funcionando sem a mesma ter sido concluída, tem volume suficiente para atender três a quatro vezes a população atual, bastava ter regras de uso...

Espaço do Leitor: A cidade está infestada de lixo e buracos.

Geraldo,..

Foto de arquivo do blog

Espaço do Leitor: Quero ser prefeito custe o que custar.

Acendem-se as luzes e os ébrios pelo poder descem ao circo, o espetáculo começará, no palco os políticos, os comerciantes políticos, os oportunistas e os políticos de temporada. Neste espetáculo o que menos interessa é a cidade, o bem estar da população e o progresso planejado.

O que vemos e ouvimos é a escalada trôpega de participantes do processo político acotovelando-se e atropelando-se uns aos outros, rasgando discursos de outrora, apagando rastros da memória, esquecendo o que escreveram e matando a romântica ideologia, tudo isto em favor do Poder, do poder vaidoso, arrogante, egocêntrico, pedante e mesquinho, que corrompe e cega tanto, que faz as pessoas esquecerem seus passados de histórias políticas, suas palavras, seus discursos, seus comícios, seus programas eleitorais, somente para satisfazer o ego de se deleitar no Poder...

ESPAÇO DO LEITOR: A VISÃO DO CALVÁRIO

Terminado o drama, cessada a chuva, dispersada a turba que a poucos instantes gritava avassaladoramente: CRUCIFICA-O... CRUCIFICA-O...CRUCIFICA-O, O Cristo permanece imóvel frente ao seu predestinado fim. O sangue ainda escorre-lhe pelas mãos, tomam-lhe o busto, embebe o manto, o madeiro e todo o calvário e todo o mundo. Não o quero assim, inerte, de braços abertos cabeça pendida de encontro ao chão e o seu corpo dilacerado pelo estalar do látego e perfurações de lanças sem contar com uma trançada coroam de espinho a invadir-lhe as têmporas e perfurar-lhe o crânio. Porque pintar com cores tão mórbidas o término de uma historia tão grandiosa? Porque o marrom escuro do madeiro e o vermelho rubis do Seu santo sangue? Eu o prefiro bem aventurado e bem aventurando a todos que padecem de perseguições infindas, das injustiças e das desumanidades.

Não acredito que somente no beijo o Cristo tenha sido traído. Ele continua sendo traído todos os dias quando uma criança padece de fome em detrimento do roubo de muitos covardes; a traição continua presente na ação de políticos que desmoralizam o mandato e subtraem dos justos a capacidade de sobrevivência, a traição continua explícita na mentira, na desfaçatez dos poderosos quando roubam e ainda tripudiam diante a impotência dos mais fracos. Tal qual a dor, a traição continua viva na subserviência e bajulação mentirosa, na calúnia e na vingança, no ódio e na desesperança. Porém, assim como a traição a sua existência continua viva nos bravos que lutam incessantemente em defesa da justiça, nas crianças que pela inocência nos garante um tempo novo, continua vivo nos corações das mães que tudo de melhor preferem para os seus filhos; ela continua viva a nos garantir a esperança de um mundo melhor, um Brasil grande, um Juazeiro forte e um povo mais feliz. Não obstante os verdugos o Cristo continuará, eternamente vivo na sua palavra que também continuará fazendo eco nas consciências de todos os desesperados. E, assim como a cruz a esperança permanecerá acesa como chama a crepitar nos sonhos de toda a humanidade...

Espaço do Leitor: Escola em atraso perigo de acidente.

Olá Geraldo,

A Secretaria de Educação do Município de Sento Sé prometeu que as aulas na Escola Nova Canaã começariam em fevereiro e até agora a obra de construção da escola está la parada... Paredes rachando, esgoto a céu aberto e o perigo de desabamento...

Leitor reclama ausência da Via Sacra em Juazeiro

Amigo Geraldo José,

Estão ai algumas fotos da Via Sacra que existia em JUazeiro e que infelizmente o Poder Público acabou com essa cultura da qual eu fiz parte em todas as suas edições...

Espaço do leitor: Os desmandos de nossos políticos.

Que bom se esta ação da Policia Federal fosse mais abrangente, com certeza não só o nome do Deputado Roberto Carlos estaria em destaque.

Existe um rol de modalidades de desvio de dinheiro publico bem conhecidas de todos nós e que os “nobres” políticos usam com primazia, vejamos:..

A água no Semiárido: E a Secretaria de Recursos Hídricos?

Ao refletir sobre o uso da água no Semiárido, é preciso confessar que ainda sou otimista quanto às transformações que devem acontecer em nossa região. Apesar de constatar que as mudanças feitas pelo atual governo não trazem boas perspectivas.

Vejamos o que aconteceu: o Governo Jarbas foi aconselhado a criar a Secretaria de Recursos Hídricos. Obteve bons resultados. Pôs em foco o secular problema da falta d'água. Saiu-se muito bem o secretário Ciro Coelho. Foram quase mil quilômetros de adutoras...

ESPAÇO DO LEITOR: NEM DIREITA, NEM ESQUERDA, VAMOS SEGUIR EM FRENTE...

Lendo tudo que vejo, me deparei com a seguinte frase circulante por aí.....

ESPAÇO DO LEITOR: A GLOBALIZAÇÃO DA DESUMANIDADE.

Poderia nesse momento me retratar aos fatos históricos do conhecimento, mas não, vou ser ainda mais sucinto, me retrato ao ser humano, como parte da sociedade, que de humana nada tem, ao descaso com os casos dos que menos tem, a luta pela dignidade humana, sendo que o humano pratica violência e corrupção, isso é de fato uma indignidade na sociedade.

Nesse mundo desenvolvido da globalização, concentração de riqueza, ainda é com certeza, o desejo da população. Ganhar pouco? Jamais, isso é balela, o capital tá acima de tudo, e vamos, contudo procurar nosso lucro, nem que tenhamos que passar alguém para trás...