RedeGN - Policial

Outros Destaques

Política

Policial

APA Petrolina tem semana de reuniões com renomadas empresas do Nordeste

Em busca de mais apoio para o desenvolvimento dos seus projetos esportivos, a Associação Petrolinense de Atletismo (APA) participou de uma série de encontros com renomadas empresas do Nordeste, com sedes no Recife-PE. A proposta das reuniões foi apresentar a história e todo trabalho realizado pela equipe na formação social e esportiva de atletas e paratletas.

As reuniões aconteceram com gestores da Tintas Iquine, construtora Moura Dubeaux e da Ontex que é a fabricante de fraldas como Sapeka, Turma da Mônica e Bigfral. A APA foi representada pelo vice-presidente e treinador, Marciano Barros, e pelo diretor executivo, Natanael Barros...

Ascom APA

Atacadão é condenado a pagar indenização de R$ 100 mil por vender produtos com agrotóxicos proibidos pela Anvisa

O Atacadão S.A foi obrigado pela Justiça a pagar R$ 100 mil em indenização por danos morais causados à sociedade com a venda de frutas e hortaliças contendo resíduos de agrotóxicos proibidos ou acima dos limites máximos permitidos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A decisão, da Quarta Câmara Cível do Tribunal de Justiça, confirma sentença de primeiro grau e atende aos pedidos apresentados pelo Ministério Público do Estado da Bahia.

Segundo o MP, laudos laboratoriais comprovaram que o Atacadão vendeu aos consumidores morangos e alface impróprios ao consumo humano. O processo transitou em julgado no final do ano passado e o MP requereu hoje, dia 12, o cumprimento da sentença...

Da Redação RedeGN

Dez pessoas são conduzidas à delegacia por furto de energia na Bahia em 2021

As ações policiais de combate ao furto de energia na Bahia em 2021, realizadas com apoio da Neoenergia Coelba, resultaram na condução de 10 pessoas às delegacias do estado ao longo do ano. Destas, três pessoas foram detidas e precisaram pagar fiança para serem liberadas. Agora, todas elas poderão responder judicialmente sobre as ações cometidas.

No total, 35 pessoas foram obrigadas a prestarem depoimentos sobre as irregularidades encontradas. Esta quantidade foi reflexo das operações realizadas pela Neoenergia Coelba com apoio policial. Em 2021, 94 ações similares foram executadas em todo o estado, número 35% maior do que no comparativo com 2020...

Da Redação RedeGN

Caso Beatriz: após prisão de suspeito, MPPE requisita providências imediatas e solicita perícias complementares à Polícia Civil

Logo após ser comunicado pela Polícia Civil de Pernambuco sobre a identificação de um suspeito de matar a menina Beatriz Mota com base em testes genéticos, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) requisitou providências imediatas para assegurar a ouvida do suspeito, a proteção à sua integridade física e a realização de novas perícias complementares. As informações foram detalhadas durante coletiva realizada na manhã desta quarta-feira (12), na sede da Secretaria Estadual de Defesa Social (SDS).

"Assim que tivemos conhecimento de que um suspeito havia sido identificado pelo perfil genético, que é uma prova técnica relevante, entramos em contato com os delegados responsáveis pela investigação. Ainda ontem (11) delegados gravaram o depoimento do homem, ao qual já tivemos acesso. O Ministério Público está devolvendo o inquérito à Polícia Civil, para que sejam juntadas mais informações. Sabemos que a Polícia fará o trabalho requisitado de forma responsável, com foco na apuração dos fatos. E ao receber o relatório final da investigação, o MPPE vai analisar o inquérito e apresentar, no tempo devido, a sua manifestação", destacou a promotora de Justiça Ângela Cruz, coordenadora do Grupo de Atuação Conjunta Especial (GACE) e do Centro de Apoio Operacional Criminal (CAO Criminal)...

Da Redação RedeGN

Caso Beatriz: " Não acredito ainda nesta investigação nem na propositura das provas, muito menos na confissão", diz advogado

O advogado e jornalista, Cláudio Soares, acusou através de texto que na sua " ótica criminalista, não acredita ainda nesta investigação nem na propositura das provas, muito menos na confissão", apresentada hoje pela Secretaria de Defesa Social, sobre o Caso Beatriz. A polícia disse que prendeu o assassino da menina Beatriz.

Confira texto:..

Blog Magno Martins e Folha de Pernambuco

Caso Beatriz: Secretário Defesa Social durante coletiva imprensa diz que motivação do crime "foi a Beatriz ter se assustado com abordagem"

Apesar da expectativa pelos mínimos detalhes sobre a motivação e como agiu o acusado de matar a menina Beatriz Angélica, 7 anos, em 2015, no Colégio Nossa Senhora Auxiliadora, localizando no centro de Petrolina, a Secretaria de Defesa Social, frustrou a imprensa ao apresentar "poucos fatos sobre o Caso Beatriz"

Nas redes sociais diversas mensagens criticam a investigação, "considerando muito simplórias e sem detalhes diante de tanta violência contra uma criança". Ouvidos pela REDEGN dois advogados consideraram "muito simples os argumentos das autoridade de segurança pública e que esperavam mais detalhes sobre o crime"...

Redação redeGN

Caso Beatriz: Governo de Pernambuco fala sobre confissão de suspeito de matar menina Beatriz de 7 anos a facadas

Com mais de uma hora de atraso, a coletiva de imprensa tem início no auditório da Secretaria de Defesa Social de Pernambuco, no Centro do Recife.

A coletiva de imprensa conta com a presença do secretário de Defesa Social de Pernambuco, Humberto Freire; o chefe da Polícia Civil de Pernambuco, Nehemias Falcão; o gerente-geral da Polícia Científica, Fernando Benevides; e a coordenadora do Centro de Apoio Operacional Criminal do Ministério Público de Pernambuco, Ângela Cruz. A coletiva tem o objetivo de detalhar como a Polícia Civil chegou ao assassino da menina Beatriz teve início no Recife...

Redação redeGN

AO VIVO: Assista a coletiva do caso Beatriz em Recife

Lucinha Mota, mãe da menina Beatriz, morta com 42 facadas em 2015, dentro de uma escola particular de Petrolina, disse ontem, após tomar conhecimento, pela imprensa, que está pedindo a Deus para que se confirme a identidade do assassino da sua filha para que justiça seja feita, mas disse durante  live transmitida nas redes sociais que “Não cabe um inocente no processo de Beatriz", afirmou.

“Fomos pegos de surpresa. Falei com o chefe da Polícia Civil, que confirmou a notícia. Passei mal, mas já estou bem", informou ela, afirmando que não foi contatada pela Polícia de Pernambuco e que aguarda mais detalhes sobre o fato para então se pronunciar. “Não sabíamos de nada. Peço a Deus que seja ele, que se confirme, que esse assassino seja tirado da sociedade, que seja preso e condenado", disse...

"É por este motivo que solicitamos a Federalização do Caso Beatriz. É desumano. É assim que o Governo do Estado trata vítimas de homicídios", desabafou Lúcia

A  Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS-PE) até o momento não autorizou os pais de Beatriz participar da coletiva marcada para essa quarta-feira (12). Com mais de 1 hora de atraso a coletiva ainda não teve início. O Secretário de Defesa Social disse que receberia os pais da menina Beatriz após a coletiva. Até o momento não houve justificativa para as autoridades barrarem os pais de participarem da coletiva.

A coletiva vai servir para Representantes da Polícia Civil, Polícia Científica e Ministério Público de Pernambuco detalhar como chegaram ao assassino da menina Beatriz. Os pais de Beatriz, Lúcia Mota e Sandro Romilton que viajaram para participar da coletiva no Recife, de acordo com filmagens obtidas através da live, foram proibidos de ter acesso ao encontro entre a SDS e a imprensa...

Redação redeGN

Caso Beatriz: Lúcia Mota e Sandro Romilton são impedidos de participar de coletiva no Recife

Representantes da Polícia Civil, Polícia Científica e Ministério Público de Pernambuco ainda não iniciaram coletiva com a imprensa com o objetivo de detalhar como chegaram ao assassino da menina Beatriz. A coletiva foi marcada para esta quarta-feira (12).

Os pais de Beatriz, Lúcia Mota e Sandro Romilton que viajaram para participar da coletiva no Recife, de acordo com filmagens obtidas através da live, foram proibidos de ter acesso ao encontro entre a Secretaria Defesa Social e a imprensa. Houve tumulto pois Sandro e Lúcia "justificam que não compreendem essa atitude das autoridades". Os representantes do Governo do Estado disseram que os pais de Beatriz seriam recebidos em outro momento, e não durante a coletiva...

Redação redeGN

"Não cabe um inocente no inquérito de Beatriz”, diz Lucinha Mota. Coletiva da Polícia de Pernambuco acontece às 9h.

Lucinha Mota, mãe da menina Beatriz, morta com 42 facadas em 2015, dentro de uma escola particular de Petrolina, disse ontem, após tomar conhecimento, pela imprensa, que está pedindo a Deus para que se confirme a identidade do assassino da sua filha para que justiça seja feita, mas disse durante  live transmitida nas redes sociais que “Não cabe um inocente no processo de Beatriz", afirmou.

“Fomos pegos de surpresa. Falei com o chefe da Polícia Civil, que confirmou a notícia. Passei mal, mas já estou bem", informou ela, afirmando que não foi contatada pela Polícia de Pernambuco e que aguarda mais detalhes sobre o fato para então se pronunciar. “Não sabíamos de nada. Peço a Deus que seja ele, que se confirme, que esse assassino seja tirado da sociedade, que seja preso e condenado", disse...

Da redação redeGN

Caso Beatriz: Nesta quarta-feira Polícia Civil realiza coletiva e dá detalhes do acusado do homicídio

Seis anos, um mês e um dia depois do assassinato de menina Beatriz Angélica Mota, de 7 anos, o caso tem nesta quarta-feira (12) mais um capítulo.

De acordo com a Superintendência da Polícia Civil, o suspeito de desferir 42 facadas na garota, dentro do Colégio Nossa Senhora Auxiliadora, foi identificado pela Polícia Científica de Pernambuco e confessou o assassinato...

Redação redeGN

Lucinha Mota se pronuncia sobre prisão de suspeito de matar sua filha Beatriz Angélica. Confira o vídeo

Em live transmitida na noite desta terça-feira (11), logo após anúncio da prisão de um possível assassino de Beatriz Angélica, Lucinha Mota, mãe da garota que foi barbaramente assassinada numa escola particular de Petrolina, comentou sobre a anunciada prisão do assassino da sua filha, em dezembro de 2015.

Nós ainda não estamos sabendo de nada, fomos pegos de surpresa, estou tentando desde cedo falar com um delegado responsável pelo inquérito, ele não me atende, eu liguei pro chefe de polícia ele  me atendeu, a ligação estava ruim, estava cortando, mas ele adiantou que  que os elemetos mais fortes do inquérito foram confirmados nessa prisão. Não sei o que aconteceu, o que levou a essa prisão...a gente não sabe, passei mal aqui, porque toda denuncia eu passo mal e quando o chefe confirmou que era ele, então a gente perde o sentido, mas enfim já estou bem, tem muita gente ligando, não atendia mais a jornalistas porque não sei o que dizer a eles nesse momento”, disse Lucinha...

Da redação redeGN

Caso Beatriz: Semelhança entre foto digital e suspeito preso chama atenção

Após mais de 6 anos, a luta dos pais da garota Beatriz Angélica pode ter chegado ao fim. É que a Secretaria de Defesa Social (SDS) de Pernambuco informou no início da noite desta terça-feira (11), que por meio do trabalho conjunto das forças estaduais de segurança pública, chegou hoje ao autor do assassinato da menina Beatriz Angélica Mota, ocorrido em 2015, em Petrolina.

Segundo informou o G1, o DNA encontrado na faca, segundo o laudo pericial, é de Marcelo da Silva de 40 anos, que está preso por outros crimes. A TV Globo teve acesso exclusivo ao laudo final do Caso Beatriz, que não esclarece a motivação do crime, nem informa quais outros crimes são atribuídos ao homem que está preso em Salgueiro, também no Sertão pernambucano. Os peritos coletaram o DNA no cabo da arma, deixada no local do homicídio. A partir da análise, foi possível comparar com o perfil do assassino. O DNA dele fazia parte do Banco Estadual de Perfis Genéticos, diz a publicação...

Da Redação RedeGN

Caso Beatriz: suspeito é identificado e confessa assassinato de criança com 42 facadas em colégio de Petrolina, em 2015

Seis anos, um mês e um dia depois do assassinato da menina Beatriz Angélica Mota, de 7 anos, o caso teve o desfecho. O suspeito de desferir 42 facadas na garota, dentro de um colégio particular de Petrolina, no Sertão, foi identificado pela Polícia Científica de Pernambuco e confessou o assassinato.

O DNA encontrado na faca, segundo o laudo pericial, é de Marcelo da Silva de 40 anos, que está preso por outros crimes. Nesta terça (11), após ser ouvido por delegados, ele foi indiciado...

G1

Assassino de Beatriz é preso e será apresentado amanhã (12), diz SDS de Pernambuco; autor teria confessado o crime

A Secretaria de Defesa Social (SDS) de Pernambuco informou no início da noite desta terça-feira (11), que por meio do trabalho conjunto das forças estaduais de segurança pública, chegou hoje ao autor do assassinato da menina Beatriz Angélica Mota, ocorrido em 2015, em Petrolina. Por determinação do governador Paulo Câmara, a Força Tarefa, criada em 2019 para investigar o caso, foi mantida mobilizada até a elucidação deste crime, segundo a SDS-PE.

O órgão disse que a equipe revisitou todo o inquérito e realizou novas diligências. A identificação do suspeito se deu por meio de análises do banco de perfis genéticos do Instituto de Genética Forense Eduardo Campos, realizadas no dia de hoje, que identificou o DNA recolhido na faca utilizada no crime...

Da Redação RedeGN

Homem morre em confronto com a PM no Itaberaba, em Juazeiro

Um homem morreu durante um confronto com a Polícia Militar na madrugada desta terça-feira (11), no bairro Itaberaba, em Juazeiro. Segundo a PM, os soldados foram até a rua zero do bairro após uma denúncia da presença de vários homens armados comercializando drogas no local.

Ainda segundo a PM, ao chegarem no local informado, a viatura foi recebida a tiros por vários indivíduos que em seguida fugiram em direção a uma mata fechada e de difícil acesso. Os policiais realizaram o cerco no local e foram recebidos a tiros. Os PM's revidaram...

Da Redação RedeGN / foto: divulgação-PM

Homem é assassinado a tiros em Cabrobó

Um homem de 44 anos foi assassinado na noite desta segunda-feira (11) na cidade de Cabrobó, no Sertão de Pernambuco. O fato aconteceu na rua Joaquim André Cavalcante, no bairro José e Maria.

De acordo com a Polícia Civil, a vítima caminhava pelo local do crime quando foi abordada por uma pessoa perguntando como se chamava o nome da rua. O suspeito, então, pegou uma arma de fogo e realizou vários disparos contra o homem, que morreu no local. O criminoso fugiu...

Da Redação RedeGN

Polícia Civil incinera mais de 1,3 tonelada de entorpecentes apreendida em Pernambuco

 

 

..

Da Redação RedeGN

Suspeito de assassinar motorista na BR 101, trecho Alagoinhas, morre em confronto com a polícia; crime é investigado como tentativa de latrocínio

Suspeito de assassinar motorista na br 101, trecho Alagoinhas morre em confronto com a polícia; crime é investigado como tentativa de latrocínio

Um dos suspeitos de matar o motorista de ônibus Edvaldo Ferreira de Souza, de 50 anos, enquanto trabalhava, na BR-101, morreu após um confronto com policiais militares na cidade de Araçás, no agreste baiano...

G1 Bahia Foto Reprodução redes sociais

PRF na Bahia registra aumento de 22% nas apreensões de maconha em 2021

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou o ano de 2021 com grande quantidade de drogas apreendidas nas rodovias e estradas federais que cortam a Bahia. Ao longo do último ano, foram retirados de circulação 14,7 toneladas de entorpecentes. Em 2020 foram 13,3 toneladas.

Os números apresentados entre janeiro e dezembro, registram um aumento de 22% no volume de maconha apreendido (13,7 toneladas), quando comparado ao mesmo período de 2020 (11,2 toneladas). A retirada de circulação desse tipo de droga representa um impacto financeiro de R$ 29,7 milhões de prejuízo para as organizações criminosas...

Da Redação RedeGN / foto: divulgação-PRF

Vigilância Sanitária interdita farmácia em Petrolina

Na manhã desta segunda-feira (10), após denúncias de usuários de uma farmácia em Petrolina, a Vigilância Sanitária fez uma visita e constataram algumas irregularidades no funcionamento. Assim, foi necessário interditar o local até que as devidas providências para regularização sejam feitas.

Os problemas identificados para funcionamento do local foram falta de profissional técnico de farmácia, armário de remédios controlados aberto e os testes para detecção da COVID não eram realizados em um espaço adequado. A partir disso, os fiscais da Vigilância aplicaram uma notificação e interditaram o espaço até que os responsáveis façam as adequações para o funcionamento dentro das normas sanitárias...

Da Redação RedeGN