RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 23 registros para a palavra: sputnik v

Rui Costa fala sobre a suspensão da compra da Sputnik V

O governador Rui Costa usou as redes sociais na noite desta quinta-feira (5) para comentar a suspensão da compra de doses da vacina Sputnik V, anunciada pelo governador do Piauí e presidente do Consórcio Nordeste, Wellington Dias.

Leia na integra a declaração do governador: "Infelizmente, por conta de entraves tanto da Anvisa como Ministério da Saúde, o contrato que previa a entrega de 37 milhões de doses da vacina #SputnikV para estados nordestinos foi suspenso nesta quinta, em reunião com o Fundo Soberano Russo...

Consórcio Nordeste suspende compra da vacina Sputnik V

O Consórcio Nordeste suspendeu a importação da vacina russa contra a Covid Sputnik V. Segundo a coluna de Lauro Jardim, do jornal O Globo, o governador do Piauí e presidente do consórcio, Wellington Dias, se reuniu com o Fundo Soberano Russo nesta quinta-feira (5).

O acordo previa a compra de 37 milhões de doses da Sputnik. Dias afirma que a aquisição foi suspensa por causa de novas limitações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), além da não inclusão da vacina no Plano Nacional de Imunização (PNI) e a falta da licença de importação...

Rússia suspende envio da vacina Sputnik V para o Brasil

Previsto para desembarcar no Brasil nesta quarta-feira (28), o lote de 1,1 milhão de doses da vacina Sputnik V, contra a Covid-19, esperado pelos estados do Consórcio Nordeste, não chegará ao Brasil. Diante da mudança, ainda não há um novo prazo definido para a entrega. Uma reunião para resolver impasse está marcada para esta quarta feira (28) com o Ministério da Saúde russo  e governadores de Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe.

A chegada dos  imunizantes aconteceria sob através da chamada importação excepcional e temporária. As regras permitiriam a aplicação da vacina em 1% da população dos estados solicitantes. O uso ainda enfrentaria uma série de restrições em relação ao quadro geral de saúde e faixa etária dos vacinados...

Primeiras doses da Sputnik V chegam em 28 de julho no Brasil, dizem governadores

As primeiras doses da vacina russa Sputnik V devem chegar ao país no dia 28 de julho, no aeroporto de Recife (PE). A previsão é dos governadores dos Estados que negociaram a compra do imunizante diretamente com o Fundo Russo. 

Neste primeiro lote vão ser entregues cerca de 1 milhão e 145 mil doses, o que corresponde ao número de vacinas para imunizar 1% da população entre as unidades da federação das regiões Norte e Nordeste.  ..

Governador da Bahia comemora aprovação da Sputnik V pela Anvisa

Nas redes sociais o Governador da Baha Rui Costa comemorou a aprovação ontem na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a importação das vacinas Sputnik V e Covaxin em caráter excepcional.

"É apenas o início, mas depois de muita luta conseguimos aprovação para importar e aplicar a Sputnik V. A quantidade autorizada pela Anvisa está muito abaixo da real necessidade. Agora, é batalhar para fazer chegar logo o que foi aprovado e vacinar nosso povo. Vacina salva vidas"...

Anvisa analisa nesta sexta-feira novos pedidos de liberação das vacinas Covaxin e Sputnik V

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) se reúne na tarde desta sexta-feira (4) para analisar novos pedidos de liberação de duas vacinas contra a Covid-19: a russa Sputnik V e a indiana Covaxin. O encontro está previsto para começar às 14h.

Os dois imunizantes já tiveram pedidos de liberação negados pela agência. Atualmente, as únicas vacinas com autorização para aplicação no país são CoronaVac, AstraZeneca/Oxford, Pfizer/BioNTech e Janssen...

Desenvolvedores da vacina russa Sputnik V ameaçam processar Anvisa por difamação

Os desenvolvedores da vacina russa Sputnik V ameaçaram nesta quinta-feira (29) processar por difamação a agência reguladora brasileira Anvisa, que se recusou a aprová-la e alegou que a vacina continha uma versão ativa de um vírus.

"A Sputnik V está iniciando um processo judicial de difamação no Brasil contra a Anvisa por disseminar intencionalmente informações falsas e imprecisas", disseram os desenvolvedores da vacina russa no Twitter...

Anvisa alega riscos de segurança e nega importação da Sputnik V

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) negou nesta segunda-feira (26) a importação da vacina Sputnik V, imunizante russo desenvolvido pelo Instituto Gamaleya contra a Covid-19.

A importação foi rejeitada por 5 votos a 0. Todos os diretores seguiram o voto do relator, o diretor Alex Campos Machado, e das áreas técnicas da agência...

Anvisa avalia pedidos de importação da vacina Sputnik V

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) marcou para hoje (26), às 18h, uma reunião extraordinária da diretoria colegiada para avaliar os pedidos de estados e municípios para importação da vacina Sputnik V, usada na imunização contra a covid-19. O imunizante é produzido pelo Instituto Gamaleya, da Rússia.

A reunião de deliberação foi marcada dentro do prazo estipulado pela lei e de acordo com a decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski, que determinou a análise da questão dentro do prazo de 30 dias...

Vacina russa Sputnik V tem eficácia de 97,6% em estudo no mundo real

Cientistas russos concluíram que a vacina Sputnik V contra a covid-19 tem eficácia de 97,6% no “mundo real”, de acordo com uma avaliação envolvendo 3,8 milhões de pessoas.

O anúncio foi feito pelo Instituto Gamaleya, de Moscou, e o Fundo de Investimentos Diretos da Rússia (RDIF) nesta segunda-feira (19). O estudo no “mundo real” é mais amplo e apresenta evidência científica mais clara e confiável para mudança no padrão de tratamento...

Anvisa concede certificados às farmacêuticas da Janssem e Sputnik V

Duas empresas que produzem vacinas contra covid-19, a Janssen-Cilag Farmacêutica e a Inovat Indústria Farmacêutica/União Química, responsável pela produção da Sputnik V obtiveram certificação de boas práticas de fabricação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) nesta terça-feira (30).

A certificação é o documento necessário para obtenção do registro de medicamentos biológicos. Ela garante que as empresas cumprem com as boas práticas necessárias para assegurar a qualidade, eficácia e segurança dos medicamentos...

Consórcio de governadores do Nordeste finaliza compra de 37 milhões de doses de vacinas Sputnik V

Grupo que reúne os nove governadores do Nordeste assinaram na manhã desta quarta (17), o contrato com Fundo Soberano Russo de compra de 37 milhões de doses da vacina russa Sputnik V. As 15h ocorrerá uma agenda do Consórcio Nordeste com o ministério da Saúde para assinatura do termo que disponibilizará as 37 milhões de doses ao plano nacional de imunização. Ou seja, sua distribuição para população brasileira pelo PNI de forma proporcional e igualitária.

O primeiro diálogo se iniciou em agosto do ano passado. No primeiro diálogo havia uma expectativa de R$ 50 milhões de doses, mas na assinatura do contrato ela foi finalizada em 37 milhões de doses. Cada Estado assinou porque na questão jurídica de contrato não é permitido em termos de consórcio e teria que ser feito por cada Estado. Então foi feito por cada estado do Nordeste e juntos totalizaram esses 37 milhões...

Rui Costa e russos celebram compra de 9,7 milhões de doses da Sputnik V

O Governo da Bahia e o Fundo Soberano Russo celebraram o contrato para a compra de 9,7 milhões de doses da vacina Sputnik V. O ato ocorreu na tarde desta segunda-feira (15), por meio de reunião virtual, entre o governador Rui Costa, o CEO do Fundo Soberano, Kirill Allexandrovich Dmitriev, e o presidente do Consórcio Nordeste e governador do Piauí, Wellington Dias.

O primeiro lote com doses do imunizante chegará à Bahia no mês de abril. Na reunião, o governador Rui Costa agradeceu o apoio para viabilizar a chegada das vacinas de forma célere...

Rui Costa confirma compra de 9,7 milhões de doses da Sputnik V

Está confirmado. Um contrato foi fechado na tarde desta sexta-feira (12) entre o Governo da Bahia e o Fundo Soberano Russo e sacramentou a compra da vacina Sputnik V para o estado. Segundo o governador Rui Costa, foram compradas 9,7 milhões de doses.

O governador deu esta notícia durante reunião com prefeitos da capital e Região Metropolitana de Salvador. O primeiro lote chegará em abril e as vacinas poderão ser aplicadas na população imediatamente.  Um ato oficial de assinatura do contrato entre o governador e autoridades russas está previsto para a próxima semana...

Governador Rui Costa anuncia: tudo pronto para assinar contrato com o Fundo Soberano Russo para compra de 6 milhões de doses de vacina Sputnik V

Na noite desta quinta-feira (11) nas redes sociais o Governador Rui Costa anunciou que após a sanção da lei que permite que estados, municípios e empresas comprem vacinas contra a Covid-19, está tudo pronto para assinar o contrato com o Fundo Soberano Russo para compra de 6 milhões de doses da vacina Sputnik V

"Tudo pronto para assinar nesta sexta-feira, dia 12 de março, o contrato do Governo do Estado da Bahia com o Fundo Soberano Russo para compra de 6 milhões de doses da vacina Sputnik V.  Se tudo der certo, teremos mais vacinas em nosso estado para acelerar a imunização de baianos e baianas. Vacina salva vidas! É assim que venceremos a guerra contra o coronavírus" disse Rui Costa no instagram...

Líder do PT na Alba comemora a liberação de doses da Sputnik V para o Nordeste

O líder do PT na Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Osni Cardoso, comemorou a notícia de que os nove estados do Nordeste, liderados pela Bahia, acertaram os termos de compra de 25 milhões de doses da vacina russa Sputnik V.

O parlamentar afirmou que a iniciativa é fruto do comprometimento do governador Rui Costa com os baianos...

Paulo Câmara visita fábrica da Sputnik V para negociar compra de vacinas para Pernambuco

O governador Paulo Câmara visitou, nesta terça-feira (02.03), a fábrica da União Química, em Santa Maria, Distrito Federal, onde é produzida a vacina Sputnik V, da Rússia.

Ao lado de outros governadores, Paulo Câmara conheceu as instalações e participou de reunião com o CEO da União Química, Fernando Marques, e o diretor de Negócios Internacionais da empresa, Rogério Rosso, além do embaixador da Rússia no Brasil, Sergey Akopov. A intenção dos governadores é negociar com a fábrica a compra direta da vacina, caso o governo federal não tenha condições de atender os Estados na distribuição do imunizante...

Paulo Câmara negocia com laboratório compra da vacina Sputnik V

O governador Paulo Câmara se reúne, nesta terça-feira (02.03), em Brasília, com a diretoria da farmacêutica União Química, produtora no Brasil da vacina Sputnik V, para negociar a aquisição direta do imunizante russo. A iniciativa é uma ação conjunta do Fórum de Governadores do Brasil.

O laboratório União Química protocolou na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa),  o pedido para uso emergencial no Brasil de 10 milhões de doses da vacina Sputnik V. A empresa também informou que o imunizante será produzido no Brasil nas fábricas de Brasília e Guarulhos. A vacina tem origem russa e apresentou eficácia acima de 90% contra o novo coronavírus na última etapa de testes, segundo a Rússia...

Adolfo Menezes celebra ganho de causa do Governo da Bahia no Supremo para compra de vacinas, inclusive a Sputnik V

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia – ALBA, deputado Adolfo Menezes, presidiu nesta terça (23.02) mais uma sessão legislativa virtual, quando comemorou a decisão do Supremo Tribunal Federal de autorizar estados e municípios a comprarem e distribuírem vacinas contra a Covid-19. "É uma decisão importantíssima, porque o governo federal, por incompetência, não está cumprindo o cronograma de vacinação.

Por exemplo, enquanto os Estados Unidos já imunizaram 60 milhões de pessoas, no Brasil ainda não chegamos a 6 milhões, sem contar que os americanos vivem um Inverno rigoroso, com nevascas em muitas regiões do país, dificultando o acesso de equipes de vacinação", ressalta o presidente da ALBA. ..

Anvisa vai vistoriar fábricas das vacinas Covaxin e Sputnik V em março

As fábricas de duas vacinas contra o novo coronavírus serão inspecionadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) no início de março. O órgão anunciou ontem (13) à noite que vai vistoriar as instalações de produção da Coxavin, desenvolvida por um laboratório indiano, e da Sputnik V, criada na Rússia, mas em fabricação no Brasil.

Nenhum dos dois imunizantes tem pedido para uso emergencial ou aplicação em massa no país. No entanto, a inspeção das fábricas antes do pedido formal acelera o processo de análise e de aprovação para a aplicação no Brasil...