RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 61 registros para a palavra: protestos

Policiais Federais fazem protestos contra Jair Bolsonaro

Policiais federais de todo o país fizeram manifestações nesta terça-feira (24), contra o presidente Jair Bolsonaro (PL) pelo não cumprimento de ações prometidas pelo presidente para a valorização da corporação. Agentes e delegados paralisaram os trabalhos nos aeroportos do Rio de Janeiro e do Amapá. 

De acordo com o Metrópoles, na frente da PF do Ceará, levaram faixas cobrando o presidente. Uma delas dizia: “Te salvamos da facada e agora vai nos esfaquear pelas costas?”...

Em resposta à protestos, Prefeitura de Petrolina diz que Facape tem total liberdade para "deliberar o planejamento e a execução financeira anual"

A Prefeitura de Petrolina voltou a se manifestar sobre a crise financeira da Faculdade de Petrolina (Facape), que vem sendo alvo de protestos, organizados por professores, em virtude da situação financeira desregular que a instituição enfrenta desde o ano passado.

A categoria vem também solicitando a gestão municipal para que interceda e ajude a resolver o problema, que vem afetando a vida de dezenas de profissionais...

Movimentos Sociais e partidos fazem protestos contra o governo Bolsonaro em Juazeiro e Petrolina. Trânsito na ponte Presidente Dutra está lento

Em Juazeiro e Petrolina, dezenas de manifestantes se concetram neste momento em diversos pontos das cidades. O trânsito na ponte Presidente Dutra está muito lento devido uma das manifestações. A reportagem da REDEGN obteve a confirmação que o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra MST participa de um protesto na Ponte Presidente Dutra.

A oposição ao governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou às ruas neste sábado (2). Os protestos estão sendo realizados em conjunto pela campanha Fora Bolsonaro (que promoveu os atos anteriores e reúne centrais sindicais, movimentos populares e partidos de esquerda), pela entidade civil Fórum pela Democracia Direitos Já! e por lideranças dos nove partidos que assinaram pedidos de impeachment do presidente (PSOL, PCdoB, PT, PDT, PSD, Rede, PV, Cidadania e Solidariedade)...

Indígenas do norte da Bahia realizam protestos contra o projeto do Marco Temporal que propõe novas regras para demarcação de terras

Indígenas protestaram e realizam atos para chamar a atenção contra o "marco temporal", que define novas regras para demarcação de terras. Os Tumbalalá ocupam uma área ao norte do estado da Bahia, entre os municípios de Curaçá e Abaré, na divisa com Pernambuco e às margens do rio São Francisco.

Os tumbalalá, através de suas principais lideranças, participam hoje dos fóruns de discussões sobre as políticas indigenistas e estão em contato com líderes indígenas de diversas partes do país. O cacique Miguel disse que os povos indígenas tem sido vítimas dos governos nos últimos anos. "Somos sobreviventes e vamos resistir. Na margem do Rio São Francisco somos mais de 10 mil indígenas e continuaremos na luta para continuar existindo"...

Bolsonaro confirma que irá discursar em protestos no dia 7 de Setembro

O presidente Jair Bolsonaro reafirmou nesta sexta-feira (20/8) que participará de duas manifestações no Dia da Independência, 7 de Setembro: uma em Brasília, pela manhã, e outra, em São Paulo, à tarde.

Segundo o mandatário, ele pretende discursar para apoiadores, mas alegou que “não serão palavras de ameaça a ninguém”. O chefe do Executivo apontou ainda que o comparecimento às ruas por parte dos bolsonaristas será uma “fotografia” para o mundo e emendou que só pode agir "caso a população assim deseje"...

Bolsonaro critica repressão a protestos em Cuba com 'borrachada, pancada e prisão'

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) criticou nesta segunda-feira (12) a repressão do governo cubano às manifestações no país no domingo (11), quando milhares de pessoas foram às ruas para expressar frustração por meses de crise, restrições devido à Covid e queixas de falta de apoio estatal.

"Foram pedir, além de alimentos, eletricidade. Foram pedir... Pediram mais uma coisa. Por último, em quarto lugar, pediram liberdade. Sabe o que eles tiveram ontem? Borrachada, pancada e prisão", afirmou o presidente brasileiro a seus apoiadores no Palácio da Alvorada. A interação foi registrada e exibida por um canal bolsonarista na internet...

Protestos em Juazeiro e Petrolina em favor da reabertura do comércio repercutem. Prefeito de Juazeiro ainda não emitiu opinião

Comerciantes e empresários de Juazeiro e Petrolina protestaram nesta sexta-feira (22) em favor da reabertura do comércio durante a quarentena e a flexibilização dos decretos estabelecidos pelos prefeitos dos dois municípios.

As manifestações repercutiram nos meios de comunicação da capital da Bahia e Pernambuco. Os meios de comunicação destacam que o grupo se reuniu, em Juazeiro, na Praça Cordeiro de Miranda, onde está localizada a estátua de Santiago Maior, na orla fluvial da cidade e se dirigiu para a Prefeitura Municipal...

Estudantes da Univasf lamentam não poder aglomerar e realizar protestos contra nomeação do reitor pro tempore

O Ministério da Educação (MEC) publicou no Diário Oficial no dia 9 de abril de 2020 portaria que designou o professor Paulo Cesar Fagundes Neves para o cargo de reitor pro tempore (reitor temporário) da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf). O ato ampara-se na Medida Provisória nº 914/2019 que trata sobre o processo de escolha de dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Ifes).

No caso específico da Univasf, a designação de reitor pro tempore ocorre em virtude do pedido de suspensão da lista tríplice à Reitoria da Univasf, elaborada pelo Conselho Universitário (Conuni), em novembro passado, e que está sub judice por decisão liminar do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5)...

Impedidos de circular em Petrolina, mototaxistas realizam protestos em frente a CSTT

Mototaxistas legalizados de Juazeiro (BA) realizaram na manhã desta quarta-feira (05) um manifesto em frente à sede da CSTT – Companhia de Segurança, Trânsito e Transportes, à rua Oscar Ribeiro, protestando contra o descumprimento do acordo firmado entre a CSTT e a AMMPLA - Autarquia Municipal de Mobilidade de Petrolina no que concerne ao tráfego dos mototaxistas nas duas cidades...

Moradores de Sento-Sé fazem protestos contra falta de água

A constante falta de água em alguns bairros de Sento-Sé, no norte da Bahia, nos últimos dias, levou moradores a protestar nesta quarta-feira (27) em frente ao SAAE, Serviço Autônomo de Água e Esgoto, órgão de abastecimento do município.

De acordo com publicação do Sento-Sé Notícias, “a população reclama que constantemente vêm sofrendo com a falta de água principalmente no bairro Elias Alves e que está praticamente impossível viver tantos dias sem água morando as margens do Rio São Francisco”, escreveram...

GREVE: APLB DE JUAZEIRO PARTICIPA DOS PROTESTOS NOS DIAS 2 E 3 DE OUTUBRO

A APLB-Sindicato dos Trabalhadores em educação convoca as redes estadual, municipal e interior do Estado da Bahia para paralisar às atividades na Greve Geral da Educação, que acontece nos dias 2 e 3 de outubro. O Diretor da APLB, Gilmar Nery explica que em Juazeiro, os atos irão acontecer dia 02/ 09h, Assembleia Geral na APLB e no dia 03/09h um ato público na Praça Antonílio da França Cardoso em Frente ao Banco do Brasil.

A mobilização nacional foi convocada pela União Nacional dos Estudantes (UNE), a União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES) e a Associação Nacional de Pós-Graduandos (ANPG). O coordenador-geral, Rui Oliveira explica que na Bahia, além da APLB outras entidades como  Assufba, Sinasef, Apub, Une, Ubes, Abes, Ueb, Aduneb entre outras, vão paralisar as atividades nos dias citados...

Manifestantes fazem protestos pela Amazônia em embaixadas brasileiras pelo mundo

Manifestantes organizaram, nesta sexta-feira (23), diversos protestos pela preservação da Amazônia em embaixadas brasileiras ao redor do mundo. Eles se reuniram em cidades como Londres e Berlim e levaram cartazes contra o desmatamento e as queimadas na floresta. Além das capitais britânica e alemã, protestos também foram convocados em Mumbai, na Índia; Paris, na França; Berna, na Suíça; Amsterdã, na Holanda; Dublin, na Irlanda; Madri e Barcelona, na Espanha; e Luxemburgo.

As queimadas e o desmatamento do bioma vieram à tona nas últimas semanas, com dados do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) mostrando que as queimadas no Brasil aumentaram 82% neste ano em relação ao mesmo período do ano passado. A chanceler alemã, Angela Merkel, defendeu que os incêndios na Amazônia sejam debatidos no encontro do G7 neste fim de semana em Biarritz, na França...

Com receio de marchas, Bolsonaro e Moro escalam Força Nacional para protestos de mulheres em Brasília

Com receio de marchas organizadas por mulheres, o governo Jair Bolsonaro voltou a autorizar que a Força Nacional seja acionada para realizar a segurança da Esplanada dos Ministérios e da Praça dos Três Poderes. A portaria foi publicada no Diário Oficial da União, assinada pelo ministro da Justiça, Sergio Moro, e é válida para terça (13) e quarta-feira (14).

Ela foi feita por recomendação do GSI (Gabinete de Segurança Institucional), que editou um protocolo de segurança que permite o emprego das forças policiais para proteger o patrimônio público. A iniciativa foi tomada em virtude de duas manifestações. Nesta terça (13), será realizada a Marcha das Mulheres Indígenas. As participantes devem iniciar a caminhada da Funarte (Fundação Nacional de Artes) até a Esplanada dos Ministérios. ..

Protestos contra os bloqueios de recursos da Educação marcam paralisação em Petrolina

Centrais sindicais, professores e estudantes realizaram protestos na manhã desta terça-feira (13) em Petrolina.  Os protestos desta terça-feira foram convocados por entidades estudantis, como a União Nacional dos Estudantes (UNE) e a União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes). A pauta contra a reforma da Previdência tem sido recorrente em atos que envolvem críticas ao governo federal. 

A proposta de emenda à Constituição que altera as regras da Previdência foi enviada pelo Executivo ao Congresso. O texto já foi aprovado em dois turnos na Câmara e agora está sendo discutido pelo Senado...

Motoristas de Transportes alternativos fazem protesto na Ponte Presidente Dutra

Motoristas de transportes alternativos fecharam a Ponte Presidente Dutra na manhã desta quinta-feira (01) em protesto contra a tramitação do Projeto de Lei 13.855, que regulamenta esse tipo de transporte. A Polícia Federal já está no local.

O projeto de Lei publicado no último dia 9, no Diário da União, aumenta a punição para transportadores considerados irregulares e foi sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro sem vetos...

Cidades brasileiras têm protestos em defesa da reforma da Previdência, da Lava Jato e de pacote anticrime

Cidades brasileiras tiveram neste domingo (30) protestos em apoio ao governo do presidente Jair Bolsonaro e à reforma da Previdência, à operação Lava Jato e ao pacote anticrime apresentado pelo ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro. Até por volta de 12h, 17 cidades de seis estados e do Distrito Federal tinham registrado atos.

Grupos de manifestantes saíram em passeatas. Eles usavam roupas com cores da bandeira do Brasil e levavam faixas com frases de apoio a pautas defendidas por Bolsonaro. Até a última atualização desta reportagem, os atos eram pacíficos...

Pichação na Ponte Presidente Dutra, durante protestos, continua repercutindo nas redes sociais

As manifestações contra a reforma da previdência e cortes na educação, realizadas na última quarta-feira (14), em diversas regiões do país, convocada por centrais sindicais, podem não ter surtido o efeito desejado em termo de adesão, mas continua repercutindo nas redes sociais e grupos pelo Brasil afora, seja no tom crítico dos que defendem o governo e consideraram o movimento um “fracasso”, seja no tom dos que consideram um sucesso o recado das ruas.

Em Juazeiro (BA) e Petrolina (PE) as manifestações, em que pese não ter reunido um número significativo de adesões como já registradas em outros eventos dessa natureza, foram suficientes para serem enxergadas, menos pela quantidade de pessoas envolvidas, mais pelos transtornos causados a quem precisava se movimentar no trânsito...

ProtestoS marcam Juazeiro e Petrolina na manhã desta sexta (14)

Duas semanas após as manifestações contra os cortes na Educação que mobilizaram todo o estado no dia 30 de maio, nesta sexta-feira (14) os juazeirense e petrolinenses voltam às ruas contra as medidas do governo Jair Bolsonaro (PSL). Os protestos fazem parte da agenda da Greve Geral, que acontece em todo o Brasil e tem como objetivo central defender o direito de aposentadoria e barrar a Reforma da Previdência apresentada pelo presidente e seu ministro da Economia Paulo Guedes por meio da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 6/19. 

A ação unitária é convocada pelas centrais sindicais e conta com o apoio de movimentos populares, partidos políticos de esquerda, entidades estudantis, além da Frente Brasil Popular e Frente Povo Sem Medo. O objetivo é que sejam paralisados todos os locais de trabalho, estudo, comércio, bancos e circulação de mercadorias. Os organizadores esperam paralisações maiores e mais impactantes que as de 2017, quando 40 milhões de trabalhadores e trabalhadoras cruzaram os braços em todos os estados do Brasil. ..

Protestos em Juazeiro e Petrolina provocam caos no trânsito com interdição da Ponte Presidente Dutra

Juazeiro e Petrolina vivem um dia atípico no tânsito, nesta quarta-feira (15) em virtude das manifestações de trabalhadores e trabalhadoras, alunos, sindicatos e entidades ligadas ao setor de educação, que protestam nas ruas do país em virtude dos cortes de verbas anunciados pelo governo federal.

Como blog GJ Notícias havia publicado pela manhã, a possibilidade de interdição não estava descartada e se confirmou causando muitos transtornos para motoristas que circulam em Juazeiro e Petrolina. Todas as ruas centrais de Juazeiro e a BR 235, se alongando até a saída da cidade, estão totalmente paralisadas ou fluindo vagarosamente, o que provoca um verdadeiro caos na locomoção das pessoas...

Após protestos, Bolsonaro cancela ida a universidade em São Paulo

A previsão de uma visita do presidente Jair Bolsonaro à Universidade Presbiteriana Mackenzie, em São Paulo, marcada para a tarde desta quarta-feira (27/3), dividiu os alunos e provocou protestos na instituição de ensino. Novas manifestações — contra e a favor do mandatário — foram programadas também para o período da tarde. O presidente, no entanto, cancelou o compromisso.

No começo do dia, a mobilização foi de estudantes contrários a Bolsonaro, que se reuniram em frente à instituição, na Rua Maria Antônia — local marcado por um conflito estudantil durante a ditadura militar (leia mais abaixo). O ato está previsto para durar até a noite...