RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 52 registros para a palavra: pazuello

Lewandowski garante que Pazuello permaneça em silêncio na CPI da Covid

O ministro Ricardo Lewandowski, do STF (Supremo Tribunal Federal), concedeu, nesta sexta-feira (14), o habeas corpus preventivo pedido pela Advocacia-Geral da União (AGU) para que o general Eduardo Pazuello, ex-ministro da Saúde, não responda a perguntas dos senadores da CPI da Pandemia que possam eventualmente incriminá-lo.

Segundo Lewandowski, “não compete ao Judiciário estabelecer o teor das perguntas que podem ou não ser articuladas pelos senadores integrantes da CPI. Uma determinação dessa natureza representaria uma indevida intromissão nos trabalhos parlamentares, por pressupor, de antemão, que determinados questionamentos apresentarão um viés subjetivo ou incriminador.”..

Cúpula da CPI da Pandemia planeja depoimento longo para exaurir Pazuello

A cúpula da CPI da Pandemia articula um depoimento longo do ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello, na próxima quarta-feira (5), com o objetivo de exaurir o general do Exército que comandou a pasta por quase um ano. 

A avaliação do chamado G7, grupo de senadores independentes e de oposição que forma a maioria da Comissão Parlamentar de Inquérito, é a de que Pazuello pode não aguentar e sucumbir à pressão, entregando informações que são consideradas fundamentais para a CPI...

Bolsonaro dá cargo para ex-ministro da Saúde Pazuello na Secretaria-Geral do Exército

O ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello foi transferido para a Secretaria-Geral do Exército. Com isso, o general deixou de estar ligado (adido, no termo militar) à 12ª Região Militar, em Manaus (AM). A mudança foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira (23). O segundo no comando da Saúde durante a gestão de Pazuello, coronel Elcio Franco, também ganhou novo cargo em Brasília como novo assessor especial da Casa Civil da Presidência.

Alvo de inquérito e na mira da CPI da Covid, a realocação de Pazuello para a Secretaria-Geral do Exército é, contudo, temporária. Assim como Franco, o ex-ministro deve receber uma vaga no Palácio do Planalto nos próximos dias. Um dos postos cogitados é a chefia da Secretaria Especial de Modernização do Estado...

"Não estou doente e continuo no cargo", diz ministro Pazuello

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou na tarde deste domingo (14) que continua no cargo e não sairá até que o presidente Jair Bolsonaro peça.

"Eu não estou doente, continuo como ministro da Saúde até que o presidente da República peça o cargo. A minha missão é salvar vidas”, disse ele por meio da assessoria do Ministério. ..

Pazuello alega problemas de saúde e pede para deixar ministério, diz jornal

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, comunicou ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) que está com problemas de saúde e pediu para deixar o ministério. A informação é do jornal O Globo. 

Segundo a publicação, Pazuello alegou que precisará de mais tempo para se reabilitar. Ainda de acordo com o jornal, dois médicos cardiologistas são cotados para assumir a Saúde: Ludhmilla Abrahão Hajjar, professora associada da USP, e Marcelo Queiroga, presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia...

Presidente da Câmara e do Senado dão 24 horas para Pazuello explicar agenda de vacinação

Um dia depois de o Fórum Nacional de Governadores pedir explicações ao Ministério da Saúde sobre a redução do número de doses de vacinas para combater o novo coronavírus  (Covid-19) previstas para março, os presidentes da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), e do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), cobraram do ministro Eduardo Pazuello, que em 24 horas informe sobre o cronograma de vacinação apresentado aos senadores em sessão temática na Casa no dia 4.

A previsão era de que o ministério distribuísse em março - só da vacina  Oxford-AstraZeneca, produzida na Fiocruz - 16,9 milhões de doses. Mas a quantidade caiu para 3,8 milhões...

Com doses se esgotando, governadores e Congresso cobram Pazuello por mais vacinas

Com doses de vacina contra a covid-19 se esgotando, governadores e congressistas preparam uma ofensiva sobre o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, para acelerar a chegada de novos imunizantes ao País. A pressão sobre o general aumentou após Pazuello prometer que todo o País será imunizado ainda neste ano, mesmo com o governo federal patinando para ampliar a oferta de vacinas.

O Fórum dos Governadores reúne-se com Pazuello na quarta-feira, 17. Os chefes dos Estados e do Distrito Federal vão cobrar, novamente, um cronograma para a entrega das doses. “Nos aproximamos de 30 dias do início da vacinação com perspectiva de alcançar apenas 3% da população brasileira vacinada. Neste ritmo, não vai se concretizar o plano do governo de vacinar, até junho, metade da população”, disse o governador do Piauí, Wellington Dias (PT), que coordena trabalhos do Fórum sobre vacina...

Pazuello anuncia força-tarefa para acelerar vacinação em Manaus

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, disse  no final de semana que o governo federal enviará vacinas suficientes para acelerar o Plano Nacional de Imunização em Manaus. A perspectiva é alcançar o público de 50 anos de idade.

Pazuello disse que vai trabalhar para reunir “todo o pessoal capacitado” e distribuir por área, com postos fixos e móveis de vacinação. “A estratégia é atingir as partes mais distantes do centro de Manaus, não só nos polos de vacinação”, afirmou Pazuello, que na noite dessa sexta-feira, reuniu-se com o governador do Amazonas, Wilson Lima, no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC)...

Na véspera da visita de Pazuello ao Senado, FBC diz que Congresso tem "legitimidade para questionar"

Líder do Governo Bolsonaro no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB), admitiu que o Congresso Nacional possui legitimidade para questionar as ações do Governo Federal no enfrentamento da pandemia e que o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, está à disposição para prestar esclarecimentos aos parlamentares.

O ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, comparecerá ao plenário do Senado na próxima quarta-feira para dar explicações sobre as ações do governo em relação à pandemia e dificuldades enfrentadas para colocar em prática um plano nacional de imunização da covid-19...

PF abre inquérito contra Pazuello por suposta omissão em Manaus, diz fonte

A Polícia Federal abriu inquérito contra o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, por suposta omissão na gestão da pandemia da Covid-19 em Manaus, disse uma fonte com conhecimento do assunto nesta sexta-feira.

Agora a PF vai cumprir as diligências determinadas pelo ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), que havia determinado o início da investigação na segunda-feira, após pedido feito pelo procurador-geral da República, Augusto Aras...

Lewandowski decide abrir inquérito para apurar atuação de Pazuello

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu abrir inquérito para apurar atuação do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, na crise de saúde pública em Manaus.

Lewandowski enviou à Polícia Federal pedido feito pela Procuradoria-Geral da República (PGR) para a instauração de inquérito, a ser concluído em 60 dias, conforme requerido pelo procurador-geral. O ministro da Saúde deve ser ouvido...

Após PGR pedir inquérito, Pazuello vai a Manaus para ficar 'o tempo que for necessário'

Após a Procuradoria-Geral da República (PGR) pedir a abertura de inquérito no Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, viajou no sábado, 23, a Manaus (AM) sem data para voltar.

O Estado do Amazonas sofre com o aumento de casos da covid-19 e sobrecarga no sistema de saúde público, que apresentou falta de oxigênio em hospitais. O inquérito deve apurar se houve omissão do governo federal no combate à crise provocada pela falta de oxigênio, que resultou na morte e necessidade de transferência de pacientes...

Lewandowski encaminha à PGR notícia-crime contra Bolsonaro e Pazuello

O ministro Ricardo Lewandowski, do STF (Supremo Tribunal Federal), encaminhou nesta 6ª feira (22.jan.2021) ao procurador-geral da República, Augusto Aras, notícia-crime contra o presidente Jair Bolsonaro e o ministro Eduardo Pazuello (Saúde) por supostos atos omissivos e comissivos na adoção de medidas para o combate à pandemia do coronavírus.

Caberá ao procurador-geral decidir o que fazer com a notícia crime, pois apenas ele pode oferecer denúncia pela prática de crime comum contra o presidente da República e o ministro de Estado...

Pazuello diz que vacinação contra a Covid-19 no país começa nesta segunda

O Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, disse nesta segunda-feira (18), que a vacinação contra a Covid-19 será iniciada a partir das 17h em todo o país.

Em cerimônia em São Paulo, o ministro deu início à distribuição das doses da CoronaVac, vacina do Instituto Butantan em parceria com o laboratório chinês Sinovac, para os demais estados do país...

Em recado a Doria, Pazuello diz que não começa a vacinar com 'jogada de marketing'

Em pronunciamento após autorização pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) do uso emergencial de duas vacinas contra a covid-19 no Brasil, o ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, disse ter em mãos os imunizantes, mas afirmou que não iria começar a aplicação de doses neste domingo, 17, em um "ato simbólico ou um ato de marketing". A

o mesmo tempo, o governador João Doria (PSDB) fez evento em que houve a vacinação da primeira pessoa no Brasil, uma enfermeira negra, com a Coronavac, desenvolvida pelo Instituto Butantã e o laboratório chinês Sinovac...

Pazuello vai a Manaus anunciar novas ações de combate à covid-19

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, irá a Manaus nesta segunda (11) para anunciar um plano de contingência para o Amazonas, estado que vive um avanço nos números de infectados e mortos pela covid-19.

De acordo com o Ministério da Saúde, Pazuello deve anunciar esforços que vão da reorganização do atendimento nos postos e hospitais ao recrutamento de profissionais de saúde; à abertura de leitos de UTI; e ao envio de equipamentos, insumos e medicamentos. À tarde, o ministro deve participar da entrega de 10 leitos de UTI e 118 leitos clínicos no Hospital Universitário Getúlio Vargas...

Covid-19: 354 milhões de doses estão asseguradas em 2021, diz Ministro da Saúde

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou hoje (6), em pronunciamento em rede nacional de rádio e TV, que o Brasil tem asseguradas, para este ano, 354 milhões de doses de vacinas contra a covid-19.

Do total, 254 milhões serão produzidas pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), em parceria com a AstraZeneca, e 100 milhões pelo Butantan, em parceria com a empresa Sinovac...

Associação Brasileira de Imprensa entra com pedido na Câmara dos Deputados por impeachment de Pazuello

A Associação Brasileira de Imprensa (ABI) protocolou, nesta quarta-feira (6), um pedido de impeachment na Câmara dos Deputados contra o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. Segundo o texto do documento, o general "dá repetidas demonstrações de incompetência, ineficiência e incapacidade para desempenhar as tarefas de seu cargo”.

O pedido de impeachment é assinado pelo presidente da entidade, Paulo Jeronimo, e alega ainda que Pazuello “não só não providenciou as imprescindíveis vacinas, como negligenciou até mesmo a aquisição de simples seringas para aplicá-las”. Para a ABI, além de descumprir as recomendações das autoridades brasileiras e internacionais, “o ministro viola o dever de eficiência disposto no artigo 37 da Constituição, atentando contra o direito social à Saúde”...

Pazuello será demitido do Ministério da Saúde

O governo Jair Bolsonaro está aguardando o que chama de “melhor momento” para exonerar o ministro Eduardo Pazuello do comando do Ministério da Saúde. A informação foi dada pela colunista Thaís Oyama, na tarde desta quarta-feira, 30, no Jornal Jovem Pan.

“O governo está aguardando o que chamam de ‘melhor momento’ para o general Pazuello não sair em baixa. Esse momento seria o início da vacinação. Quando começar a engrenar, Pazuello será afastado do Ministério da Saúde, deixando lugar, provavelmente, para Ricardo Barros, deputado que é líder do governo na Câmara, é do Progressistas, líder do Centrão. Ele é hoje o mais cotado para ocupar a vaga de Pazuello, que não está bem cotado nem no Palácio do Planalto. O general está recebendo muitas críticas, inclusive, no Palácio do Planalto”, disse Oyama...

Doria pede a Pazuello que envie até sexta-feira carta para comprar CoronaVac, diz jornalista

Em conversa por telefone na quarta-feira (16), o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), pediu ao ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, que envie se possível até sexta-feira (18) a carta de intenção de compra de 45 milhões de doses da CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan em parceria com a chinesa Sinovac.

Segundo o blog da jornalista Andrea Sadi apurou, Doria pediu que o documento formalize a opção de compra em caráter irretratável e sem mudanças...