RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 561 registros para a palavra: congresso

Prorrogadas até o dia 30 as inscrições do Congresso Brasileiro de Ciências da Natureza

Foram prorrogadas até o dia 30 de maio as inscrições e a submissão de trabalhos no Congresso Brasileiro de Ciências da Natureza (CBCNAT), que acontecerá entre os dias três e cinco de agosto de 2011 no campus da Universidade Federal do Vale do São Francisco, campus Senhor do Bonfim-BA. O evento também foi contemplado com um financiamento de R$ 12.350,00 da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (Fapesb), pelo edital de Organização de Evento Científico e/ou Tecnológico. A primeira edição do Congresso Brasileiro de Ciências da Natureza, que tem como perspectiva, proporcionar discussão, reflexão e divulgação de pesquisas em ensino de ciências no Brasil, é uma realização da Univasf em parceria com o Instituto Federal de Ciência e Tecnologia Baiano (IF Baiano) e a Universidade do Estado da Bahia (Uneb campus VII).

A programação do evento vai contar com conferências, oficinas, mesas-redondas e apresentação de trabalhos. Entre os palestrantes convidados estão o professor do Instituto de Física da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Marco Antonio Moreira e a professora da Pós-Graduação em Educação da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (Feusp), da Pós-Graduação Interunidades de Ensino de Ciências da Usp e coordenadora do Laboratório de Pesquisa e Ensino de Física (Lapef) da Feusp, Anna Maria Pessoa de Carvalho. Para a coordenadora do congresso, professora Mariele Regina Pinheiro, “Esse é o momento de discutir com grandes nomes do país a importância do curso de Ciências da Natureza, considerando a falta de professores em todo o Brasil com formação na área”.

Os interessados em participar do Congresso Brasileiro de Ciências da Natureza poderão se inscrever pelo site: www.cbcnat.univasf.edu.br. Estudantes pagam R$ 40,00, já a taxa para professores e pesquisadores é de R$ 50,00. A expectativa da organização é de 600 participantes por dia. ..

Senhor do Bonfim vai sediar Congresso Brasileiro de Ciências da Natureza

O Congresso Brasileiro de Ciências da Natureza (CBCNAT) acontecerá no município de Senhor do Bonfim/BA entre os dias 03 e 05 de agosto deste ano. Organizado pela Universidade Federal do Vale do São Francisco - Univasf em parceria com o Instituto Federal de Ciência e Tecnologia Baiano – IF Baiano e a Universidade do Estado da Bahia – UNEB o evento é um espaço destinado ao intercâmbio científico e acadêmico entre os diversos professores, estudantes e pesquisadores da área de ciências da natureza no Brasil cujos trabalhos sejam voltados à investigação da área de ciências da natureza e ensino de ciências.

O CBCNAT contará com a participação de professores de todo o Brasil da área de ciências da natureza e ensino de ciências que ministrarão palestras, mesas redondas e oficinas. Eis alguns dos professores que estarão participando do evento: Prof. MARCO ANTONIO MOREIRA - UFRGS, Prof.ª ANA MARIA PESSOA DE CARVALHO - USP, Prof. SERGIO ROBERTO DE PAULO - UFMT, Prof. IRAMAIA JORGE DE PAULO -UFMT, Prof. JOAO ADAUTO DE SOUZA NETO - UFPE,Prof. MARCELO BRITO - UFRPE, Prof. ANTONIO CARLOS PAVAO – UFPE (a confirmar), Prof. ANTONIO OLIVEIRA - UFMA, Prof. ELDER SALES TEIXEIRA - UEFS. Os interessados poderão se inscrever e inscrever trabalhos através do site do evento WWW.cbcnat.univasf.edu.br e obter maiores informações...

CÂMARA ADIOU DECISÃO SOBRE POSSE DE SUPLENTES, MAS BANDEIRA ASSUMIU CADEIRA NO CONGRESSO NACIONAL

Joseph Bandeira, sendo saudado pelo presidente em Exercício da Camara Inocêncio Oliveira entre sorrisos do Dep. Federal Geraldo Simões

A Mesa Diretora da Câmara adiou nesta quarta-feira (16) a decisão sobre a posse dos suplentes dos deputados na Casa e, com isso, ainda não decidiu se irá cumprir a determinação do STF (Supremo Tribunal Federal), que entende que a vaga deve ocupada pelo suplente do partido, e não da coligação. Na reunião de hoje, o deputado Eduardo da Fonte (PP-PE), relator do texto, apresentou parecer favorável ao cumprimento das decisões do Supremo, mas a decisão só será tomada na próxima reunião da Mesa, ainda sem data definida...

BANDEIRA DE VOLTA AO CONGRESSO

Bandeiristas em Juazeiro já dão como certa a posse do ex-prefeito Joseph Bandeira na Câmara Federal. Com a informação de que o deputado federal João Leão (PP) será o novo secretário da Casa Civil da Prefeitura de Salvador, pessoas ligadas ao ex-prefeito de Juazeiro festejam o seu retorno ao Congresso Nacional.

Entre os que comemoram está o assessor do Senador João Durval Carneiro Miled Cussa Filho, que foi secretário na última gestão de Bandeira. Eis a mensagem que ele enviou ao blog...

A lista dos aposentados no Congresso: João Almeida, Aleluia, Geddel...

A coluna Radar on-line da Revista Veja destaca em matéria do jornalista Lauro Jardim que desde o início do ano, nove políticos já conseguiram aposentadorias do instituto de previdência do Congresso. Na lista, há de tudo um pouco: quem não se elegeu, como os deputados tucanos Arnaldo Madeira e João Almeida, e o progressista Vadão Gomes; senador que não se reelegeu, caso do democrata Efraim Morais; deputados que não se elegeram para o Senado, como a tucana Rita Camata e o democrata José Carlos Aleluia; parlamentar que não disputou, como os deputados José Mendonça Bezerra, do DEM, e Nelson Trad, do PMDB; e até quem virou vice-governador, como o democrata Francisco de Assis, em Roraima, e o tucano Flávio Arns, no Paraná. E a lista aumentou hoje. Foram publicadas no Diário Oficial da União as aposentadorias de Geddel Vieira Lima, ex-deputado e candidato derrotado ao governo baiano, e de Nelson Proença, que não disputou a reeleição para a Câmara dos Deputados).

..

Reajuste do mínimo deve mobilizar Congresso nesta semana

A votação do projeto que fixa o salário mínimo em R$ 545 é o principal assunto na pauta do Legislativo desta semana. A Câmara dos Deputados deve discutir a proposta (PL 382/11) com o ministro da Fazenda, Guido Mantega, nesta terça-feira, e votá-la na quarta-feira (16). Em seguida, será a vez de o Senado examinar o projeto, que também estabelece a política de valorização do mínimo no período entre 2012 e 2015.

A base governista se mobiliza para derrubar duas emendas da oposição: a do PSDB, que prevê R$ 600 para o mínimo, e a do DEM, que propõe R$ 560. Mesmo que sejam rejeitadas na Câmara, essas propostas podem ser retomadas no Senado.

Vários senadores já manifestaram apoio a um valor maior para o mínimo deste ano - prejudicado pela variação negativa do Produto Interno Bruto (PIB) de 2009. É que um acordo de 2007 entre o governo e as centrais sindicais prevê o repasse da inflação do período entre as correções, mais o aumento real pela variação do PIB de dois anos antes, ou seja, quando a variação é negativa, o mínimo não tem aumento real...

Centrais protestam amanhã no Congresso por mínimo maior

No dia em que o Congresso vai discutir o reajuste do salário mínimo, as centrais sindicais esperam reunir em Brasília cerca de 500 dirigentes sindicais e militantes. As centrais defendem um valor maior do que os R$ 540 propostos pelo governo. Segundo a Força Sindical, a estimativa dos trabalhadores é que centenas de pessoas se dividam entre a ala das comissões e o Salão Verde do Congresso, por onde deputados e senadores mais circulam, para fazer a abordagem de “sensibilização” sobre a necessidade de um salário mínimo maior. “Vamos dialogar com os parlamentares sobre a importância de um salário mínimo digno no processo de distribuição de renda no país”, afirma o presidente da Força Sindical, Paulo Pereira da Silva, o Paulinho (PDT). (Folha). ..

Governo terá de negociar mínimo com Congresso, diz líder do PMDB

O líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros (AL), afirmou nesta terça-feira que o governo da presidente Dilma Rousseff terá de negociar com o Congresso a aprovação do novo salário mínimo.  “Vai ter que ter discussão. É fundamental a continuidade da negociação [do novo mínimo]. É claro que o Congresso Nacional, o Senado sobretudo, vai querer influir na definição da política do salário mínimo”, afirmou Renan. O peemedebista conversou com a imprensa depois da reunião de lideres da Casa e disse que irá defender a aprovação de uma medida de desoneração do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sobre os produtos da cesta básica, como forma de compensar o valor do reajuste, estipulado pelo governo em R$ 545. ..

JUAZEIRO SEDIA PRIMEIRO CONGRESSO DE MULHERES

 

O Ministério Mulheres Restauradas com apoio da Uneb e Vitória FM realiza dias 11, 12 e 13 no auditório da Universidade do Estado da Bahia em Juazeiro, o Primeiro Congresso de Mulheres com o tema: “RESTAURAÇÃO: UM SONHO DE DEUS”.

O evento contará com a participação da missionária Natália Albuquerque, do conferencista James Vilarino e da missionária Lanna Holder...

Sarney descarta participação de Dilma na abertura do Congresso

O presidente do Senado e do Congresso, José Sarney (PMDB-AP), praticamente descartou a possibilidade de a presidente Dilma Rousseff participar da abertura dos trabalhos legislativos em 1º de fevereiro. Ele destacou que, tradicionalmente, cabe ao ministro-chefe da Casa Civil, no caso Antonio Palocci, entregar ao Congresso a mensagem presidencial que, entre outras coisas, elenca as prioridades do Executivo. – Não é da tradição do Congresso que o presidente venha entregar a mensagem do Executivo. Essa tarefa, geralmente, é do ministro da Casa Civil. Em 2003, no início de seu primeiro mandato, o então presidente Luiz Inácio Lula da Silva entregou pessoalmente a mensagem do Executivo de abertura dos trabalhos legislativos. (Agência Brasil) ..

Deputado Jorge Khoury participa de reunião da Comissão Representativa do Congresso Nacional

O deputado Jorge Khoury (DEM BA) participou de mais uma atividade em Brasília durante este período de recesso parlamentar. Como membro da Comissão Representativa do Congresso Nacional, Khoury acompanhou a reunião convocada em caráter emergencial para debater medidas que possam atender as vítimas das chuvas na região Sudeste. Dessa forma, Khoury exerce com dignidade todas as funções que lhe foram confiadas no Parlamento brasileiro , mesmo há 11 dias doencerramento do seu mandato.   

Durante a reunião, deputados e senadores também discutiram políticas de prevenção dos desastres naturais. Para o deputado Jorge Khoury “é preciso que o Congresso Nacional e o Executivo trabalhem juntos com o objetivo de minimizar essas tragédias que vêm acontecendo em nosso País”, afirmou.   

A Comissão Representantiva também analisou a importância da  Medida Provisória 522/11, que libera R$ 780 milhões para os municípios atingidos pelas chuvas  e pela seca prolongada . Serão destinados R$ 700 milhões para o Ministério da Integração Nacional, sendo R$ 600 milhões para Ações de Defesa Civil e R$ 100 milhões para Apoio a Obras Preventivas de Desastres. Outros R$ 80 milhões beneficiarão o Ministério dos Transportes. Além disso, a Defesa Civil utilizará parte do dinheiro para aquisição de roupas, colchões e alimentos não perecíveis.

O presidente da Câmara, Marco Maia, anunciou que será criada uma comissão especial da Casa para acompanhar o que está sendo feito nas áreas atingidas pelas fortes chuvas do início deste ano.  O deputado Jorge Khoury assinou  uma moção de solidariedade às vítimas das chuvas e deslizamentos nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais e uma recomendação para que o Congresso estude propostas e soluções  preventivas de catástrofes climáticas. Durante a reunião, o secretário de Políticas e Programas de Pesquisa e Desenvolvimento do Ministério da Ciência e Tecnologia, Luiz Antonio Barreto, afirmou que o governo federal não realizou as medidas necessárias para prevenir os problemas. “Nós falamos muito e não fizemos nada.” ..

Congresso deve analisar 22 medidas provisórias a partir de fevereiro

Os senadores e deputados que abrirão a nova legislatura, em fevereiro, encontrarão as pautas de votação do Senado e da Câmara tomadas por medidas provisórias (MPs). De acordo com informações da Subsecretaria de Apoio às Comissões Mistas do Senado Federal, dez medidas trancam a pauta da Câmara e uma tem prioridade de votação no Plenário do Senado porque seus prazos de tramitação estão próximos de se esgotar.

Duas MPS, do total de 22, começam a trancar a pauta da Câmara em 20 de fevereiro e outra, no dia 26. As outras oito medidas foram editadas já no período de recesso parlamentar e, com isso, o seu prazo de tramitação só começará a contar a partir do momento em que forem lidas, o que deve ocorrer no dia 3 de fevereiro. Do total de MPs nas pautas das duas Casas, 21 foram editadas ainda pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em 2010 e uma já tem a assinatura da presidente Dilma Rousseff...

DIRETORES DA APLB-JUAZEIRO PARTICIPAM DE CONGRESSO DA CNTE EM BRASÍLIA

 

Diretores da APLB Sindicato em Juazeiro, os professores Antonio Carlos e Gilmar Nery participaram em Brasília do 31° Congresso da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação que começou quinta (13) e foi concluído neste domingo (16), discutindo a implantação  do Plano Nacional de Educação sobre o tema: “A VISÃO DOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO”.

Ao final do evento os trabalhadores da área de educação decidiram fazer no primeiro semestre deste ano uma marcha nacional a Brasília para reivindicar a garantia de financiamento adequado para a educação e a valorização profissional. A data da marcha será marcada pela nova diretoria da entidade, eleita na tarde de ontem (16), durante o encerramento do encontro...

DILMA DESISTE DE REFORMAS NO CONGRESSO

Não demorou muito para a presidente Dilma Rousseff (PT) desistir das reformas estruturantes para o país. Diante da dificuldade de manter uma base política coesa, ela disse que não vai propor uma reforma da Previdência Social e pretende deixar para o Congresso a reforma política. As informações são da Folha de S. Paulo. Dilma diz a interlocutores que não vale a pena investir em reformas que impliquem custo político e consumo de energia "monstruosa" nesse início de mandato. A petista preferiu focar seu capital político na aprovação de três ou quatro projetos pontuais da reforma tributária, entre eles a desoneração da folha de pagamento, que devem ser enviados ao Congresso em fevereiro.

..

PL que pede mudança na legislação contra pirataria está no Congresso

O primeiro projeto de lei do Poder Executivo a chegar ao Congresso Nacional neste ano, o PL 8052/2011, propõe alterações no Código de Processo Penalpara disciplinaro processo e julgamento de crimes cometidos contra a propriedade intelectual. Ainiciativa do projeto partiu do Conselho Nacional de Combate à Pirataria (CNCP), presidido pelo Ministério da Justiça. A mensagem do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva encaminhando o projeto ao Congresso foi publicada no Diário Oficial da União do dia 31 de dezembro. Com isso, a proposta deve começar a tramitar já no início do ano legislativo. 

A proposta dá nova redação a quatro artigos do Código de Processo Penal com o objetivo de intensificar o combate à pirataria. A primeira alteração permite à autoridade que apreender os bens falsificados descrevê-los por lote e não na sua totalidade, como hoje ocorre. Outra mudança está relacionada ao fato de o juiz poder determinar a destruição dos produtos falsificados ou reprodução apreendida antes da decisão final da Justiça. 

A secretária executiva do CNCP, Ana Lúcia Gomes Moraes, explica que o projeto visa dar mais transparência, eficácia e celeridade às ações das autoridades policiais durante as operações de apreensão de produtos pirateados. “O que muda com o PL é o resultado das operações realizadas, pois a legislação como é hoje inviabiliza a continuidade das operações de combate à pirataria. ..

Revisão de reajuste do mínimo é praticamente consenso no Congresso

Independentemente da postura do PMDB de debater melhor a proposta do governo de aumentar o salário mínimo então fixado em R$ 540, a revisão do reajuste é praticamente um consenso entre os parlamentares a começar pelo próprio líder do governo na Câmara, Cândido Vaccarezza (PT-SP). Segundo ele, o ideal é que os partidos deixem de lado “disputas políticas” e discutam o assunto tecnicamente, com base no princípio que o salário mínimo é parte de uma política de desenvolvimento para o país. Vaccarezza disse que, por força dessas discussões, é praticamente impossível aprovar a medida provisória em fevereiro. Para ele, a votação da matéria deve ocorrer em meados de março.

..

Khoury Parabeniza Blog do Geraldo no Congresso

Em pronunciamento na Câmara dos Deputados em Brasília, o deputado federal Jorge Khoury lembrou o primeiro aniversário do Blog do Geraldo, ressaltando a importância do mais novo veículo para Juazeiro e região, provocando um novo modelo de comunicação, criando uma tribuna de debates democrática e instantânea com o mundo inteiro. "Hoje, 16 de dezembro de 2010, o Blog do Geraldo completa um ano de notícias, que intermediam situações, sinalizam soluções, reavivam memórias, despertaram cidadania e ligam pessoas em diversos países", definiu Khoury na abertura do seu discurso. 

Vejam pronunciamento, na íntegra:..

KHOURY DESTACA NO CONGRESSO PREMIAÇÕES DA AGROVALE E MINERAÇÃO CARAÍBA COMO MELHORES DO PAÍS

Em pronunciamento na Câmara dos Deputados em Brasília, o deputado federal Jorge Khoury destacou a premiação de duas importantes empresas da região em setores importantes da economia brasileira: a Agrovale em Juazeiro e a Mineração Caraíbas em Jaguarari. Para Khoury "O artigo publicado pela  Revista de Economia e Sociologia Rural  destaca a importância das questões sócio-ambientais nas empresas selecionou 19 usinas sucroalcooleiras do Brasil, a AGROVALE de Juazeiro foi apontada com o melhor resultado e principal "Benchmark" (marca de nível) do setor no nosso país".        

De acordo com os especialistas da Revista, percebe-se que em três anos apenas a Agrovale alcançou desempenho máximo no que se refere a investimento em meio ambiente, indicadores sociais internos, externos e receita líquida.  A Agrovale merece ter seu trabalho reconhecido por  seu compromisso em investir no meio ambiente e no social, beneficiando a comunidade em que está inserida, sempre com transparência.        ..

Khoury Retoma Atividades no Congresso Nacional

Após o acidente num táxi em SP no dia 08/11, quando quebrou a clavícula esquerda e recupera-se de uma cirurgia, o deputado federal Jorge Khoury teve os pontos retirados hoje e amanhã já segue rotina normal de trabalho em Brasília. No seu retorno à Câmara dos Deputados, o Deputado Khoury quer aproveitar bem as últimas semanas úteis desta legislatura – a 53ª em vigor no país – e por isso está empenhado em terminar o seu mandato como Presidente da Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, com uma “pauta positiva”, aprovando, em ritmo intensivo, os Projetos de Lei em tramitação, especialmente aqueles em que ele é relator.

Em depoimento no twitter, Khoury agradeceu o apoio de todos que recebeu nesse período e disse está bastante motivado para tocar o trabalho. Ele destacou a importância de saber fazer amigos e tê-los na hora certa. “Precisamos aprovar as questões em pauta, que são importantíssimas para o país. São questões que vão facilitar o processo de desenvolvimento do país em várias vertentes, sob a ótica da responsabilidade sustentável”, finalizou Khoury. ..

Hoje acontece a premiação do prêmio Congresso em Foco. Edson Duarte faz parte da lista

A seleta lista dos melhores parlamentares deste ano combina muita experiência e diversidade. Seja pelas diferenças extremas em idade ou tempo de atividade política dos premiados, seja pelas divergências ideológicas e partidárias, seja ainda pelas mais variadas formações profissionais deles. A despeito das diferenças apresentadas, todos tiveram atuação destacada ao longo de 2010.

Os 38 deputados e 14 senadores foram indicados pelos jornalistas que cobrem as atividades da Câmara dos Deputados e do Senado Federal, em processo acompanhado pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Distrito Federal, parceiro do projeto desde o seu início. Coube depois aos internautas definir a classificação final dos congressistas selecionados e os vencedores de categoriais especiais (melhor iniciativa do Congresso e destaques em áreas como educação, saúde, combate à corrupção etc.)...