RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 839 registros para a palavra: Policiais

Policiais militares erradicam plantio de maconha em Dormentes-PE

No último domingo, dia (25/07), policiais militares do GATI e da 3ª Companhia do 5º BPM (Petrolina), comandada pelo Cap Rutênio, localizaram no Sítio São Joaquim, distante 1 km do município de Dormentes, um plantio de maconha com aproximadamente 18.000 pés.

No local os policiais também apreenderam 22 Kg da droga pronta para o consumo e uma espingarda calibre 36. O dono da propriedade RAIMUNDO CAVALCANTI GRANJA, 72 anos, foi encaminhado para a delegacia de Dormentes-PE e autuado em flagrante delito. ..

POLICIAIS MILITARES TEM NOVA IDENTIDADE FUNCIONAL

O Decreto lei nº 12.047 de 14 de abril de 2010, institui a nova carteira de identidade funcional da Policia Militar da Bahia, que será válida em todo o território nacional. A nova identidade tem 10 itens de segurança, dentre os quais ser impressa em papel moeda, confeccionado pela casa da moeda, a impressão digitalizada, marca d´água, dentre outros ítens. 

Os policiais militares já poderão, na área do Batalhão Sertanejo, em Juazeiro, requerer a nova identidade, no período de 02 a 08 de agosto no Clube de Campo Cabos e Soldados. "Quem não atender ao chamamento nesse período, terá que se deslocar ao departamento de pessoal em Salvador. A convocação vale também para o pessoal da reserva", explicou o Tenente Coronel Gilson Santiago Messias, Comandante do 3 BPM - Batalhão Sertanejo.
..

Associação dos Policiais Civis Não Nomeados repercute matéria do jornal A Tarde

A Associação dos Policiais Civis Não Nomeados está reproduzindo e enviando a todos os veículos de comunicação da Bahia, matéria do Jornal A tarde que relata que o município de Floresta Azul, distante 481 km ao sul de Salvador, está há quase um ano sem delegacia. Os 11 mil habitantes dizem que estão abandonados e sem ter a quem recorrer contra os assaltos ao comércio e à agência bancária, os arrombamentos a residências e o tráfico de drogas, que cresceram na cidade. “Nossa segurança pública é zero. Só temos dois policiais militares durante o dia, mas nem sempre são vistos à noite”, diz o servidor público federal José Alberto Carvalho. 

O tráfico de drogas está nas esquinas da cidade, e, segundo ele, parte dos furtos é realizada por viciados em crack. Além disso, muitas vítimas não prestam queixa porque não têm dinheiro para a passagem ou não querem enfrentar 8 km até a delegacia da vizinha Ibicaraí. 

Para o servidor, isso estimula a impunidade e o aumento da violência. Instalada há quatro anos, a agência do Banco Postal, única da cidade, foi assaltada três vezes. Jorge Luiz Araújo, um dos dois funcionários, diz que trabalha apavorado. “Aqui a gente só conta com as câmaras de vigilância”. Ele destaca que, por falta de segurança, pequenas cidades, como Floresta Azul, estão sendo alvos das grandes quadrilhas.  Com informações de Ana Cristina Oliveira l A TARDE...

Policiais civis suspendem paralisação de 72 horas na Bahia

Os policiais civis decidiram, em assembleia realizada na manhã desta terça-feira, 20, na sede da Associação dos Funcionários Públicos, a suspensão da paralisação de 72 horas iniciada nesta segunda-feira, 19. A categoria resolveu recuar o movimento em cumprimento à decisão judicial firmada pelo juiz da 5ª Vara da Fazenda Pública, Ricardo d'Avila, segundo declarou Bernardino Gayoso, secretário geral do Sindicato da Polícia Civil (Sindpoc). A determinação previa que o sindicato da categoria retirasse do site da instituição a convocação para a paralisação e, em caso de descumprimento da decisão, uma multa diária no valor de R$100 mil seria aplicada à entidade.

A categoria reivindica a revogação da portaria publicada no Diário Oficial do Estado do dia 23 de junho, que mudou a escala de trabalho dos Policiais Civis que antes era de 24h de serviço e 72h de folga, para o plantão de 12h com 24h de folga para quem é escalado para trabalhar de dia e de 12h de serviço para 48h de descanso para quem trabalhar no plantão da noite. "Vamos suspender a paralisação com base na decisão judicial, mas vamos buscar outros caminhos para lutar contra a portaria. É inconstitucional a mudança na escala de horário, a não ser que haja um acordo coletivo para discutir o assunto, o que não houve", argumentou Gayoso.

Sobre a legalidade da paralisação, o sindicalista afirmou que o movimento é legal, já que o sindicato leva em consideração o artigo 7°, Inciso XIV, da Constituição Federal, que diz: “são direitos dos trabalhadores urbanos e rurais, além de outros que visem à melhoria das condições sociais: Inciso XIV – jornada de 6 horas para o trabalho realizado em turno ininterrupto de revezamento, salvo negociação coletiva”. Além da decisão judicial, o delegado-chefe da Polícia Civil do Estado da Bahia, Joselito Bispo da Silva, já havia determinado o corte do ponto dos policiais civis que aderissem ao movimento, conforme nota oficial divulgada nesta segunda-feira, 19...

Policiais civis se reúnem em assembleia nesta terça-feira (20)

Os policiais civis se reúnem em Assembleia Geral Extraordinária às 9h da manhã desta terça-feira, 20 de julho, para uma avaliação do movimento de paralisação em protesto à jornada de trabalho imposta pela Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia – SSP/BA. A assembleia será realizada na Associação dos Servidores Públicos do Estado da Bahia, na avenida Carlos Gomes em Salvador.

PAUTA:..

Policiais civis paralisam suas atividades nesta segunda-feira (19), conforme decidido em Assembleia

Mesmo com a pressão do Governo do Estado, os policiais civis da capital e do interior não se intimidaram e paralisam suas atividades por 72 HORAS, a começar nesta segunda-feira (19). A paralisaçãofoideliberada pela categoria em assembleia do dia 13/07, realizada na Associação dos Servidores Públicos do Estado da Bahia. 

O motivo da paralisação é a não aceitação por parte da categoria de uma Portaria publicada no Diário Oficial do Estado da Bahia, dia 23 de junho deste, que altera a escala de serviço da Polícia Civil, ocasionado graves prejuízos aos direitos dos trabalhadores, “principalmente no que se refere ao repouso inter-jornada, remuneração extraordinária e limite de carga horária semanal”, relata o presidente em exercício do Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (Sindpoc), Marcos Maurício. ..

Policiais do 5º BPM prendem assaltantes de carga

Ontem, 15/07, Policiais Militares da ROCAM, lotados no 5º BPM, juntamente com agentes do serviço de inteligência, diligenciaram durante todo o dia em povoados da zona rural do município de Petrolina, em busca de uma carga de cerca de 600 botijões, tomada de assalto na BR-428, próximo ao município de Santa Maria da Boa Vista, crime este que aconteceu no dia 12/07 (segunda), por volta das 21h00.

Ao final das diligências, foram presos os dois acusados do assalto: Regimar Nunes Sales, 25 anos, e Ademilton Nunes Moreira, 35 anos. 
 
Os dois estavam em suas residências no Sítio Bom Jardim, distante cerca de 50 Km do centro de Petrolina, local em que também foram recuperados 526 botijões da carga roubada e apreendidas duas espingardas pertencentes a Ademilson e usadas no cometimento do delito. Os dois acusados e o material do roubo foram entregues na Delegacia de Polícia Civil de Petrolina, no bairro Ouro Preto, para a adoção das providências legais. ..

POLICIAIS CIVIS PRENDEM EM SOBRADINHO FUGITIVO DE CANHOTINHO-PE

 

Às 13 horas desta quinta-feira, dia 01/07, foi  preso pelos policiais civis Umberto Campos e Jorge da Silva, Ambos lotados em Sobradinho, o fugitivo da cadeia  pública  da cidade de Canhotinho-Pe, FRANCISCO FREITAS  RAMALHO, Agricultor, natural de Teixeira na Paraíba. O mesmo responde pelo o crime de  homicídio na cidade interioraana de Pernambuco, conforme  mandado  de prisão encaminhado à DP da terra da barragem. ..

Portaria do Comando Geral da PM proíbe policiais de prestarem informações a deputado

O comandante da 33ª Cia da Polícia Militar, sediada em Valença, tenente coronel Uzeda foi proibido de prestar qualquer informação ao líder da bancada da Oposição, deputado Heraldo Rocha (DEM), sobre a violência no Baixo Sul ou informações sobre o efetivo e equipamentos da PM na região. Heraldo Rocha esteve ontem, 16, em Valença para debater com os organismos da Segurança Pública, mais Ministério Público, Defensoria Pública, Poder Judiciário e setores da sociedade civil organizada sobre o aumento da violência em Valença, a índices acima da média estadual. "Um absurdo estabelecer a mordaça a fim de impedir que um agente fiscalizador dos atos do Executivo, imbuído de atribuições constitucionais, de saber o que está ocorrendo. E impedir a sociedade de saber sobre que aparatos eles contam para protegê-los é infringir a Constituição, pois é obrigação do Estado prestar informações à sociedade", protestou Rocha.

O deputado esteve em Valença com a delegada regional Argimária Freitas; a delegada titular da cidade Sílvia Albuquerque; o promotor Marcos Pontes; a defensora pública Renata Vidal; a juíza da Vara Crime, do Juri, de Execuções Penais e da Infância Adolescência Ana Cláudia de Jesus Souza; a diretora do Conjunto Penal de Valença Jamile Hage e representantes do CDL Osni Melgaço Bulcão, Heliene Nascimento, Reinaldo Mercês, Marcos Monteiro, Clemens Reis Santana, Vidalto Oiticica; o presidente da Associação Comercial de Valença João Newton Deolindo e o presidente do Sindicato do Comércio de Valença (Sicov) Frank Roseira.

..

COMPANHIAS GANHAM REFORÇO DE NOVOS POLICIAIS MILITARES EM ESTÁGIO SUPERVISIONADO

O CPRN – Comando de Policiamento Regional Norte realizou solenidade na manhã desta sexta-feira (11) de apresentação dos novos policiais militares que se encontram em Estágio Supervisionado do curso de formação no 3º BPM.

O Coronel Everaldo Mendes, comandante do CPRN, anunciou que a partir do próximo mês de julho, os noventa e um novos PMs serão distribuídos nas quatro companhias recém-criadas. “O novo efetivo de policiais militares colocará em prática os ensinamentos adquiridos nas diversas disciplinas do Curso de Formação Policial Militar, com acompanhamento e supervisão do Comando de Policiamento Regional Norte”, explicou...

Mais 2,1 mil policiais militares iniciam estágio operacional nesta sexta (11)

Mais de 2.100 novos policiais e bombeiros militares iniciam, nesta sexta-feira (11), em seis regiões da Bahia, estágio operacional supervisionado, reforçando a segurança nas ruas. Em Salvador, mais de 600 alunos-soldados receberão as primeiras orientações do comandante-geral da Polícia Militar, coronel Nilton Mascarenhas, no Farol da Barra, às 8h. O estágio é obrigatório para conclusão do Curso de Formação e Aperfeiçoamento de Praças e tem como objetivo capacitar os alunos-soldados a desenvolverem atividades preventivas de policiamento ostensivo, colocando em prática os conhecimentos teóricos adquiridos no curso.

Nos últimos três anos, as ações do Governo do Estado na Segurança Pública tiveram como o foco a modernização e o fortalecimento da infraestrutura; a reestruturação das carreiras e a capacitação dos profissionais; a viabilização de incrementos salariais significativos e a ampliação e recomposição do efetivo. Os recursos aplicados na área aumentaram em 20% entre 2007 e 2009, passando de R$ 1,6 bilhão para R$ 1,9 bilhão. Na PM, foram incorporados 3.325 novos soldados, que já estão nas ruas atuando no policiamento ostensivo. Outros 2.121, convocados em dezembro de 2009, estão no Curso de Formação. Na Polícia Civil, até maio foram nomeados 44 delegados, 147 investigadores (agentes) e 111 escrivães, que estão trabalhando em diversos municípios. ..

POLICIAIS CIVIS NÃO NOMEADOS, LAMENTAM MORTE DE COMPANHEIROS

Os policiais civis não nomeados da Bahia, especialmente, lotados na região de Juazeiro, comunicam aos colegas que faleceu ontem à noite José Carlos Torres, conhecido pela a turma de investigadores pelo apelido de Piu Piu. “Ele era natural de Casa Nova e vai deixar muitas saudades”, lamenta Wilson Nilo em nota enviada ao blog.

“Geraldo, esse é o segundo caso de falecimento. Só aqui da turma de Juazeiro, são dois policiais civis que se formaram no dia 28 de abril de 2009, mais infelizmente o governo Jaques Wagner nos ignora. esquece que nós existimos”, conclui Wilson Nilo na nota.

 ..

Deputados não fecham acordo sobre benefício para os policiais

A falta de acordo entre as lideranças da Assembleia Legislativa ameaça deixar para o próximo ano a votação dos substitutivos ao Projeto de Lei 18.627/20010, que trata de benefícios para a Polícia Militar (PM), e que está prevista para acontecer na próxima terça-feira. A informação é do deputado estadual Zé Neto (PT), que criticou o rompimento do acordo entre governo e associações de policiais militares para que o projeto fosse a votação. O resultado da sessão conseguiu desagradar a vários setores.

O soldado Marco Prisco Caldas Machado, da Associação de Policiais, Bombeiros e FamiliaresdoEstadodaBahia (Aspra), avaliou que a categoria ganha muito se a matéria for aprovada, incluindo a questão dos proventos. "Vamos esperar que na terça-feira sejam votados os destaques para melhorar os salários da tropa", disse o soldado Marco Prisco O deputado Heraldo Rocha (DEM), líder da oposição na Assembleia Legislativa, acusa os deputados da situação de terem se ausentado da sessão justamente para evirar a votação.

Heraldo Rocha explicou que o substitutivo aprovado anteontem na Assembleia Legislativa é a emenda nº 1 , "que permite a incorporação da GAP (gratificação de atividade policial) pelo maior valor percebido por 12 meses contínuos ou pela média destes, como previsto no parecer", disse ele.

Caso a votação seja retomada no próximo dia 8 de junho, também serão apreciadas aemendan° 2,queprevê a antecipação dos vencimentos de 1° de setembro para 1° de maio, com pagamento retroativo; e a emenda n° 33, que aumenta de R$ 100 para R$ 400 o valor da incorporação da GAP ao soldo dos oficiais, e de R$ 100 para R$ 200 o valor da incorporação ao soldo dos praças da Polícia Militar da Bahia ..

BALANÇO DAS OCORRÊNCIAS POLICIAIS NO CARNAVAL DE JUAZEIRO

 

O CPRN - Comando de Policiamento Regional Norte, através do seu titular Coronel Everaldo Mendes enviou ao blog as ocorrências extratificadas e registradas durante o Carnaval de Juazeiro no perído de 27 a 30 de maio. Confira:

..

ASSEMBLEIA REALIZA AUDIÊNCIA PÚBLICA PARA COMEMORAR 20 ANOS DA 1ª TURMA DE POLICIAIS FEMININAS DA BAHIA

Todo(a) policial tem boas lembranças de sua turma de formação na corporação. Com as meninas que se formaram em maio de 1990 não deve ter sido diferente. Entretanto, a referida turma não foi especial apenas a suas integrantes (e familiares), foi e continua sendo marcante à Insituição Polícia Militar até hoje, já que entrou para a história como a 1º Turma de Policiais Femininas da Bahia.

Hoje, a corporação conta com mais de 3 mil policiais militares femininas, todas recrutas e aprendizes das primeiras heroínas. Em outras palavras: se hoje as  PFEMs são  indispensáveis  para o bom funcionamento técnico burocrático da PM, isso se deve a imensa capacidade feminina e a semente plantada lá atrás, duas décadas antes.

Parabéns à 1º turma de PFEMs da Bahia e a todas que a suscederam também. Pena que não estejamos comemorando nesse momento os 185 anos (tempo de existência da nossa querida Polícia Militar da Bahia) da 1º turma de PFEMs. Se assim o fosse, estaríamos bem melhor estruturados e valorizados pelo Estado – tenho certeza!..

POLICIAIS CIVIS ENTRARAM EM GREVE NESTA QUARTA (19)

Os policiais civis da Bahia entraram em greve geral por tempo indeterminado nesta quarta-feira (19). A medida já foi anunciada há mais de uma semana. A greve, organizada entre as entidades de classe de todo o país, busca a aprovação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 446/300, de 2009, que não entrou na pauta do Congresso Nacional até esta terça. A PEC prevê a criação de um piso salarial para policiais civis, militares e bombeiros em R$ 3,5 mil, nível médio, e R$ 7 mil, nível superior. O projeto também é de interesse dos policias militares, mas a categoria é proibida legalmente de fazer greve, por se tratar de um serviço essencial a ordem pública. Os únicos serviços que continuarão a funcionar durante a greve são o flagrante delito e o levantamento cadavérico. De acordo com a Confederação Brasileira de Trabalhadores Policiais Civis (Cobrapol), a previsão é a de que a PEC seja votada nesta quarta. ..

POLICIAIS CIVIS BAIANOS AMEAÇAM GREVE

Policiais civis baianos decidiram, por unanimidade, entrar em greve por tempo indeterminado, caso a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 446/300, que prevê a criação de piso salarial para policiais civis, militares e bombeiros em R$ 3,5 mil (nível médio) e R$ 7 mil (nível superior), não seja votada no Congresso Nacional até a próxima terça-feira (18). “Se o piso nacional não for votado, a partir da zero hora do dia 19, entraremos em greve por tempo indeterminado”, afirmou Carlos Lima, presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (Sindpoc), em assembleia sexta-feira (14). “Se os parlamentares não acelerarem a votação que cria os cargos da nova cadeia pública, também entraremos em greve, independente da paralisação nacional. Continuamos tomando conta de preso, e isso não vai durar muito tempo”, ameaçou Lima. Segundo o secretário estadual de Segurança Pública, César Nunes, as negociações com a categoria estão em andamento. “Espero que nossos policiais entendam que esse não é o melhor momento para uma greve”, afirmou. ..

Policiais civis e escrivães permanecem na luta em busca da nomeação

Policiais Civis e escrivães não nomeados pelo governo da Bahia estão realizando convocação aos demais colegas para participarem do Primeiro Fórum de Segurança Pública que acontece neste sábado (15), na Câmara Municipal.

Em seguida, eles vão se reunir e confirmar a data e horário da viagem a Salvado, bem como o recolhimento do restante das procurações para dar prosseguimento à ação coletiva que pode beneficiar todos os policiais civis não nomeados. ..

Recadastramento de policiais militares inativos em Juazeiro

Governo do Estado da Bahia realiza recadastramento de policiais militares inativos do interior do Estado do dia 10 de maio ao dia 11 de junho. Em Juazeiro, o recadastramento ocorrerá no 3º Batalhão da Polícia Militar da Bahia, das 08 às 12h e das 14 às 18h na Sala de Setor Pessoal, com os funcionários da Previdência Estadual.

Para quem mora no interior da Bahia, é necessário apresentar os seguintes documentos, em original ou cópia autenticada: carteira de identidade militar (ou outro documento de identificação com foto e bom estado de conservação), CPF, comprovante de residência recente (contracheque não será aceito) e último contracheque (também disponível nos terminais de auto-atendimento do Banco do Brasil ou no site do Portal do Servidor www.portaldoservidor.ba.gov.br).

Em caso de doença grave, impossibilidade de locomoção ou ausência do domicílio, o recadastramento poderá ser realizado através de procuração por instrumento público, com data de emissão não superior a seis meses, ou através de formulário próprio de representação disponibilizado gratuitamente pela Previdência Estadual. É preciso acrescentar o original do atestado ou do relatório médico para os casos de doenças ou impossibilidade de locomoção. Já nos casos de ausência do domicílio, deverá apresentar documento que comprove em que localidade se encontra ou reside o beneficiário. Em ambas as hipóteses, o procurador deverá apresentar cópia autenticada dos documentos ou cópia simples acompanhada das originais, ficando cópia retida...