RedeGN - Sempre ligado.

Foram encontrados 14 registros para a palavra: ANEEL

Crise hídrica: Aneel prevê aumento de 21% na conta de luz em 2022

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) prevê um aumento médio de 21% no preço da conta de energia em 2022. “Nossas estimativas apontam para um cenário de impacto tarifário médio em 2022 da ordem de 21,04%”, diz a Aneel, em documento interno publicado na última sexta-feira (5/11) e revelado em reportagem do jornal O Estado de S. Paulo.

O órgão fez uma projeção sobre o impacto financeiro da atual crise hídrica do país sobre a conta de luz. Na prática, para o bolso do consumidor, a alta é três vezes maior que a registrada neste ano. O reajuste da conta de luz em 2021 foi de 7,04%; no ano passado, o aumento acumulado foi de 3,25%...

Julho: Aneel aprova reajuste de 52% sobre o valor da bandeira vermelha a ser pago pelos consumidores na conta de luz

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou, hoje (29), em Brasília, o índice de reajuste do valor da bandeira tarifária a ser pago pelos consumidores na conta de luz a partir de julho.

Com isso, o custo da bandeira vermelha 2, o mais alto do sistema, aumenta de R$ 6,24 para R$ 9,49 para cada 100 kwh (quilowatt-hora) consumidos – um reajuste de 52% sobre o valor que já vinha sendo cobrado desde junho e que a agência prevê que siga em vigor até pelo menos novembro, devido ao baixo índice de chuvas em boa parte do país e a consequente queda do nível dos reservatórios hídricos...

Covid-19: Aneel suspende cortes na luz por falta de pagamento por 90 dias

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira (24), uma série de medidas, entre elas a suspensão de cortes no fornecimento de energia elétrica em caso de falta de pagamento em razão da pandemia do novo coronavírus. A medida vale para distribuidoras de eletricidade de todo o país.

Entre as principais medidas aprovadas estão a permissão que as distribuidoras suspendam temporariamente o atendimento presencial ao público, como medida para preservar a saúde dos seus colaboradores e da população, em atendimento às restrições impostas por atos do poder público e a priorização nos atendimentos telefônicos das solicitações de urgência e emergência...

Contas de luz continuam com bandeira verde em abril, diz Aneel

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou que as contas de luz continuarão com bandeira verde no mês de abril. Com isso, os consumidores não terão que pagar taxa adicional no próximo mês. A bandeira verde está em vigor desde janeiro. A bandeira verde sinaliza manutenção de condições de geração de energia favoráveis. "Apesar da bandeira verde, é importante que os consumidores mantenham as ações relacionadas ao uso consciente e combate ao desperdício de energia elétrica.", informou a Aneel. O sistema leva em consideração o nível dos reservatórios das hidrelétricas e o preço da energia no mercado à vista (PLD). A bandeira verde continua sem taxa extra. Na bandeira amarela, a taxa extra é de R$ 1,00 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos. No primeiro patamar da bandeira vermelha, o adicional é de R$ 3,00 a cada 100 kWh. E no segundo patamar da bandeira vermelha, a cobrança é de R$ 5,00 a cada 100 kWh. O sistema de bandeiras tarifárias sinaliza o custo da energia gerada e tem o objetivo de possibilitar aos consumidores o bom uso da energia elétrica - as cores indicam os patamares de preço da energia. Anteriormente, o custo da energia era repassado às tarifas uma vez por ano, no reajuste anual de cada empresa, e tinha a incidência da taxa básica de juros, a Selic. Agora, esse custo é cobrado mensalmente e permite ao consumidor adaptar seu consumo e evitar sustos na conta de luz. A Aneel deverá anunciar a bandeira tarifária que vigorará no mês de maio no dia 27 de abril. ..

Falta de chuvas faz Aneel iniciar campanha para incentivar consumidor a economizar energia

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) começou a veicular peças da campanha para incentivar os brasileiros a pouparem energia. A propaganda, que conta com a participação da cantora Ivete Sangalo e do marido, o nutricionista Daniel Cady, será transmitida por 15 dias em TV aberta e rádio, além de estar disponível na internet.

Segundo a Aneel, a intenção é incentivar a economia e mostrar que toda a família pode colaborar. A presença dos artistas reforça o mote: "Quando economiza junto, a gente economiza mais. Família inteligente, consumo consciente". "É importante que toda a população entenda que a energia elétrica é um bem que tem o seu custo ligado diretamente às reais condição de geração", diz a Aneel, em nota...

Comissão de Defesa do Consumidor vai investigar cobrança de energia elétrica pela Aneel

O deputado federal Eduardo da Fonte cobrou uma fiscalização nos valores pagos a mais pelos consumidores com as bandeiras vermelhas, em vigor desde 2015 pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). Um pedido foi encaminhado à Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara dos Deputados com uma proposta de fiscalização e controle ao Tribunal de Contas da União.

“Com essas bandeiras vermelhas e amarelas, os reajustes passaram a ser mensais, de acordo com a vontade da agência reguladora, que está mais do lado das empresas do que do consumidor. O que se vê, atualmente, é a incapacidade de fiscalização da ANEEL e cobranças abusivas ao pai de família”, ressaltou Eduardo da Fonte...

Aneel reajusta bandeira vermelha; taxa extra na conta de luz pode subir 43%

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou hoje (24) uma proposta de reajuste de quase 43% sobre o atual valor da bandeira tarifária vermelha patamar 2, a mais cara do sistema, cobrada sempre que as usinas térmicas mais onerosas precisam ser mantidas ativas para suprir a alta demanda de consumo de energia.

A proposta será submetida à consulta pública, podendo sofrer mudanças. Se o reajuste for aprovado, quando a bandeira vermelha patamar 2 for acionada, os consumidores deixarão de pagar os atuais R$ 3,50 para cada 100 quilowatts-hora (kWh) e passarão a pagar R$ 5 de taxa extra, já a partir de novembro...

Leilão da ANEEL proporcionará mais de R$ 12,7 bilhões de investimentos em transmissão em 19 estados

O leilão de transmissão nº 5/2016 realizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) propiciará R$ 12,7 bilhões de investimentos em transmissão nos seguintes estados: Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe. O certame ocorreu nesta segunda-feira (24/4) na sede da B3 em São Paulo, e resultou no arremate de 7068 km de linhas de transmissão e subestações com 13.132 mega-volt-amperes (MVA) de potência. A Receita Anual Permitida (RAP)* contratada foi de R$ 1,6 bilhão e dos 35 lotes ofertados, 31 foram arrematados. 

O ministro das Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, esteve na capital paulista para acompanhar o leilão e comemorou o resultado. "O país ainda vive muitas dificuldades no cenário político e econômico, mas aqui estamos falando de investimentos de 30 anos, de pessoas que apostam no futuro do Brasil e que acreditam que o país começa de fato a se recuperar, como estamos vendo pela queda dos juros, pela queda da inflação, pela volta dos empregos", afirmou. O leilão apresentou deságio médio de 36,47% ao preço inicial ofertado. Isso significa que a receita dos empreendedores para exploração dos investimentos ficará menor que o previsto inicialmente, contribuindo para modicidade tarifária. O resultado do certame representa uma economia, em 30 anos, de R$ 24,2 bilhões para os consumidores...

Carlos Neiva questiona e Aneel esclarece trâmite de usinas juazeirenses

Parques renováveis viabilizarão mais de meio bilhão de reais em investimentos para Juazeiro

O secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Juazeiro, Carlos Neiva, consultou a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) a respeito da instalação de quatro usinas solares no município, cujo leilão ocorreu em novembro de 2015 em São Paulo. A Aneel esclareceu que “as minutas das outorgas estão no MME (Ministério de Minas e Energia)”. Os documentos foram encaminhados em abril deste ano para fins de emissão e publicação da respectiva portaria.   ..

Consumidores baianos terão conta de energia mais cara a partir desse mês

Ficou definido nesta quarta-feira (14) um reajuste de 10,45% na conta de energia dos consumidores baianos. A decisão foi aprovada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) que começará a aplicar novos valores a partir da quarta-feira (22).

O reajuste irá atingir 5,5 milhões de unidades consumidoras – entre casas, indústrias e pontos comerciais - em 415 municípios baianos. Para residências e comércio (baixa tensão), o reajuste será de 10,45%. Para a indústria (alta tensão), o aumento será de 13,34%. ..

Prefeitura de Juazeiro e deputado Daniel Almeida articulam reunião com Aneel para discutir tarifa de água da Adutora da Mineração Caraíba

Os usuários da Adutora Mineradora Caraíba, no Norte do estado podem ser beneficiados com a redução da tarifa de energia. A questão foi discutida nesta terça-feira (07), em uma audiência solicitada pelo deputado federal Daniel Almeida, com as presenças do Assessor de Apoio à Gestão da Prefeitura de Juazeiro, Fernando Dantas, do presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais-Juazeiro, Emerson José, do secretário de Serviços Públicos de Juazeiro,  Eduardo Lopes, representantes dos usuários e da direção da Mineração Caraíba na sede da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

A audiência, mediada pelo parlamentar através de solicitação da Prefeitura de Juazeiro, tem o objetivo de assegurar a cobrança justa da tarifa, já que a adutora possui um uso misto. Durante o encontro, Romeu Donizete Rufino, diretor geral da ANEEL, se comprometeu em estudar o pleito e dar uma resposta ainda neste mês de agosto. “Promovemos este encontro, através de articulação política, para atender aos usuários de modo que a tarifa seja compatível ao uso da água. Acreditamos que o governo federal vai analisar cuidadosamente e atender ao pleito de forma justa”, declarou Fernando Dantas, assessor de Apoio à Gestão de Juazeiro...

Prefeito Isaac busca soluções na ANEEL para produtores

O prefeito Isaac Carvalho esteve em audiência, nesta terça-feira, 13, em Brasília, com o diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), Romeu Donizete Rufino, para tratar da tarifa cobrada à Mineradora Caraíba Metais, que distribui água, através de sua adutora, para produtores rurais de Juazeiro, além de cidades vizinhas, como Uauá. 

Com a presença do deputado federal Daniel Almeida (PCdoB) e secretários municipais, o prefeito relatou a problemática que vem acontecendo, pois a empresa paga uma taxa de energia alta, e que esse custo será revertido para os produtores que dependem da água para a produção agrícola. Após a narração dos fatos, ficou decido que será montado um grupo de trabalho entre produtores, Prefeitura de Juazeiro e Caraíba, onde será formulado um relatório detalhado para que seja encontrada uma solução. ..

Vaqueiro impedido de virar empreendedor resolve protestar contra Coelba e Aneel realizando viagem de cavalo de Itaetê a Salvador

Enquanto a presidente Dilma Rousseff (PT) baixa o preço da energia elétrica para fortalecer as indústrias e a economia, a Coelba e a Aneel vão na contramão das medidas adotadas pelo governo federal. De Itaetê, uma pequena cidade da Chapada Diamantina, onde as oportunidades de emprego são restritas ao funcionalismo público municipal e alguns estaduais, observa-se um exemplo que revolta, indigna e que aponta a superação de um jovem empresário. Gardel de Jesus Carneiro decidiu viajar a cavalo de Itaetê para Salvador, onde pretende protestar na grande mídia e na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) contra o descaso que a Aneel, com sua Resolução 414, art. 42 e 43, e contra a forma como a Coelba vem tratando um pedido de energia para o funcionamento de uma empresa em Itaetê.

Gardel Carneiro saiu no sábado (2) do município de Itaetê e segue para Salvador. Neste domingo (3), ele informa que está em Marcionílio de Souza. “Cheguei na madrugada deste domingo, por volta da 1h da manhã, vou descansar para retomar na segunda às 4h essa viagem para a capital”. A resolução que Gardel contesta determina que a Coelba seja a responsável pela ligação de novos pedidos para unidades com fornecimento de alta tensão, unidades consumidoras em tensão secundária com carga instalada maior de 50kW, assim como aumento de carga e a eventual participação financeira do solicitante...

Pinheiro estranha tentativa de redução da meta de energia renovável pela ANEEL

O senador Walter Pinheiro (PT-BA) manifestou estranheza com a decisão da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) de reduzir à metade a meta de produção de 4.300 megawatts de energia renovável do país para este ano. Segundo o parlamentar, o Ministério das Minas e Energia teve que intervir para que a agência recuasse da medida. “Se mantida, a decisão da ANEEL poderia contribuir para a elevação dos preços da energia elétrica, pela simples redução na oferta da energia a ser gerada”, disse o senador em pronunciamento no Senado.

O senador afirmou que a iniciativa colocaria em cheque o modelo energético implantado no país a partir de 2004, que prevê a compra de energia elétrica pelas distribuidoras mediante leilão pelo critério da menor tarifa para possibilitar uma energia mais barata para o consumidor final. “A agência ignorou a mais simples de todas as leis de mercado. Se a oferta é reduzida, o preço aumenta. E com ele, a inflação”, criticou...